publicidade

Nos Açores as vacas não voam mas dançam

A carregar player...

Terra Nostra tem o seu maior investimento à data com o lançamento do leite de pastagens. Campanha, com criatividade da Y&R, arrancou hoje.

A Terra Nostra arrancou hoje com a campanha de promoção do lançamento do leite de pastagem da marca da Bel Portugal. Mas antes a marca fez chegar um litro de leite a cada casa em Ribeira Grande, nos Açores, terra de origem do leite.

Com criatividade da Y&R, a campanha Musical Vacas Felizes foi produzida integralmente na Ilha de S. Miguel nos Açores. O leite de pastagem (disponível nas versões meio gordo e magro) é um leite exclusivo de produtores certificados. Trata-se do maior investimento da marca. Só na linha de produção nos Açores, a Bel Portugal investiu cinco milhões de euros.

“A ideia da campanha foi criar uma música que funcionasse como hino da Ilha das Vacas Felizes, ao mesmo tempo que apresenta o novo Leite de Pastagem e os seus benefícios. Foi pensada para despertar consciências pelo lado positivo. Um formato que faz sonhar e dá vontade de experimentar”, afirma Pedro Ferreira, diretor criativo da Young & Rubicam, citado em nota enviada às redações.

Com este novo produto, a Terra Nostra cria um novo segmento de mercado. “Esta é a grande aposta da marca Terra Nostra. O Leite de Pastagem é sobre fazer o Bem: para os Açores, para os nossos produtores, animais e para todos nós, com o Leite de Pastagem temos um produto mais natural, próximo da nossa origem, com a garantia que vem da pastagem, 365 dias por ano. Um leite puro e rico”, diz Paula Gomes, diretora de marketing da Bel Portugal em nota enviada às redações.

O lançamento será acompanhado por uma campanha multimeios, com vários conteúdos (videoclip, anúncios e até testemunhos de produtores).

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa, 16/07/2019 - Decorreu hoje parte de uma reportagem sobre, empregos criados pelas empresas de partilha de veículos em Portugal..
Acompanhamos a recolha, carregamento e reparação das trotinetes partilhadas da Circ.

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Partilha de veículos dá emprego a mais de 500 pessoas

Lisboa, 16/07/2019 - Decorreu hoje parte de uma reportagem sobre, empregos criados pelas empresas de partilha de veículos em Portugal..
Acompanhamos a recolha, carregamento e reparação das trotinetes partilhadas da Circ.

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Partilha de veículos dá emprego a mais de 500 pessoas

António Mexia, CEO da EDP. Fotografia: REUTERS/Pedro Nunes

Saída de clientes da EDP já supera as entradas

Outros conteúdos GMG
Nos Açores as vacas não voam mas dançam