Multimédia

Oh meu Deus! A Greenpeace matou o Nemo

A carregar player...
Oh meu Deus! A Greenpeace matou o Nemo

A Greenpeace na Austrália quer salvar a barreira do Recife contra os malefícios das minas de carvão que estão a destruir este ecossistema. Nada como uma campanha choque para abanar as consciências. A vítima é um peixe palhaço... que parece mesmo o Nemo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Rui Freire conta com experiência na Microsoft, grupo Havas e Global Media Group. Fotografia: DR

Rui Freire passa da Microsoft para o grupo Omnicom

Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Fernando Rocha Andrade. Fotografia: D.R.

Reembolsos do IRS subiram 253 milhões à boleia da reforma do imposto

Fotografia: REUTERS/ Lucy Nicholson

Estes são os atores mais bem pagos do mundo, segundo a Forbes

Médio foi um dos destaques da seleção portuguesa na Euro 2016. Fotografia: DR

Sporting vende João Mário ao Inter de Milão por 40 milhões de euros

Fotografia: EPA/DAVE HUNT

Uber perde mais de mil milhões de euros no primeiro semestre

arranjar emprego

Gig economy. A nova moda do mercado laboral não serve a Portugal

Conteúdo Patrocinado
Oh meu Deus! A Greenpeace matou o Nemo