Primark abre maior loja de Espanha na Gran Vía de Madrid

ng4907295

A marca de roupa irlandesa acaba de abrir a sua maior loja em Espanha, nem mais nem menos do que na avenida mais movimentada da capital, a Gran Via.

Segundo notícia o jornal “El Expansion”, o objetivo da Primark é continuar a crescer num dos mercados onde tem tido o melhor performance, tendo que enfrentar marcas poderosas como Zara, Mango, H&M, Pull&Bear, Oysho ou Cortefiel.

Em Espanha, a Primark já conta com cerca de 40 lojas, empregando cerca de 7.300 pessoas.

O edifício da Primark, conhecido como edifício Madrid-París, situado no n.º 32 da Gran Via, tem uma superfície total de 36.376 metros quadrados, divididos em nove andares.

Além das áreas comerciais, o edifício, cujo projeto de reconstrução foi do estúdio de arquitetura espanhol RCCyP, tem escritórios da Primark bem como H&M, Mango ou Lefties (do grupo Inditex).

De acordo com o mesmo diário espanhol, a reforma do edifício teve em conta a proteção dos seus elementos históricos, envolvendo um investimento entre 25 e 30 milhões de euros.

Curiosamente, adianta o “El Expansion”, no passado mês de janeiro, Pontegadea, o braço investidor de Amancio Ortega, fundador do grupo Inditex, comprou o edifício 400 milhões de euros, convertendo-se na casa da Mango, H&M e agora da Primark.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro ministro, António Costa, fala aos jornalistas durante a conferência de imprensa realizada no final da reunião do Conselho de Ministros, no Palácio da Ajuda, em Lisboa, 04 de junho de 2020. MANUEL DE ALMEIDA / POOL/LUSA

Governo vê economia a crescer 4,3% em 2021 e desemprego nos 8,7%

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, durante a conferência de imprensa após a reunião extraordinária da Comissão Permanente de Concertação Social por video-chamada, no Ministério da Economia, em Lisboa, 16 de março de 2020. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Segunda fase do lay-off custa mais de 700 milhões de euros

Jorge Rocha de Matos, presidente da Fundação AIP. Foto: direitos reservados

Rocha de Matos: IVA devia ser de 6% em todos os eventos para ajudar o turismo

Primark abre maior loja de Espanha na Gran Vía de Madrid