televisão

SIC segura João Baião. Nuno Santos (TVI) lembra quando Carnaxide o descartou

Nuno Santos com João Baião e Tânia Ribas de Oliveira nos tempos do Portugal no Coração (RTP)
Global Imagens
Nuno Santos com João Baião e Tânia Ribas de Oliveira nos tempos do Portugal no Coração (RTP) Global Imagens

Num post no FB, diretor-geral da TVI lembra tempos em que a SIC "descartou" Baião e congratula-se por enfim o canal de Carnaxide lhe reconhecer valor.

A guerra de contratações – e de palavras – continua entre as figuras de proa dos dois canais privados portugueses. Desta vez é a renovação de contrato a João Baião – que pegou nas manhãs da SIC deixadas órfãs com a saída de Cristina Ferreira para a TVI – que leva Nuno Santos (diretor-geral da TVI) a reagir, congratulando-se por a SIC ter decidido enfim valorizar o ator e assumindo que ele próprio quis ir buscá-lo como fez antes, “quando a SIC o descartou”.

Com a saída de Cristina da Casa Feliz, o canal de Carnaxide quis garantir que não perde também este apresentador, que durante anos fez dupla com Tânia Ribas de Oliveira no Portugal no Coração. Hoje, a SIC anunciou a renovação de contrato com Baião e já amanhã deverá anunciar um novo formato para as suas manhãs, com o ator e Diana Chaves a fazer a dupla que competirá com Cristina Ferreira (de volta à TVI) pelas audiências das primeiras horas do dia.

“João Baião só há um e está na SIC. O público sabe com o que dele pode contar e nós também”, sublinha Daniel Oliveira, diretor geral de entretenimento da Impresa, no comunicado em que anuncia a renovação de contrato.

Nem sempre foi assim, porém, vinca Nuno Santos, numa publicação no seu Facebook em que elogia Baião e lhe deseja sorte nestes “novos e inesperados desafios”, agora com a SIC a “pagar-lhe o que pediu durante longos anos”. O novo diretor-geral da TVI (leia mais aqui) lembra o tempo em que “a SIC descartou o João” e foi ele próprio que o desafiou para integrar a RTP, onde fez um percurso notável. “Tenho muito orgulho nessa escolha”, sublinha, admitindo que quis levar João Baião para outros desafios, inclusivamente nos tempos mais recentes.

“O João Baião podia ter vindo para a TVI em fevereiro ou agora, por um justo valor de mercado, mas ficou onde está porque tem novos e inesperados desafios”, sublinha Nuno Santos, desejando sorte ao apresentador que assume as manhãs da SIC.

“Estou muito feliz por estar na SIC, por fazer parte de uma equipa que é uma família e de uma estratégia de futuro, que dá importância às pessoas. Vou continuar a dar o meu melhor em todos os programas, com a mesma alegria e entusiasmo”, afirma o apresentador e ator, citado no comunicado da sua renovação de contrato.

Leia também: Cristina deverá ganhar 3 milhões na TVI

“João Baião é, desde há muito, uma das figuras mais queridas dos portugueses e uma personalidade a quem todos reconhecem múltiplos talentos artísticos e qualidades humanas, bem patentes atualmente nos programas líderes de audiência Olhó Baião, Domingão e Casa Feliz”, anunciou hoje a SIC, comunicando que a renovação se insere na estratégia de “ter uma oferta abrangente e diversificada, bem como de reforçar a matriz de proximidade ao público, ideia que João Baião personifica de forma única e genuína”.

“Congratulo-me pelo seu sentido de responsabilidade e compromisso com o nosso projeto que nos permite um planeamento a longo prazo com a sua honestidade e competência sempre presentes”, diz ainda Daniel Oliveira.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: Arquivo/ Global Imagens

Transações de casas caíram 35,25% em abril. Preços começam a abrandar

(João Silva/ Global Imagens)

Estrangeiros compraram menos casas em Portugal em 2019. Preço por imóvel subiu

dgs covid portugal coronavirus

Mais cinco mortos e 463 infetados por covid-19 em Portugal

SIC segura João Baião. Nuno Santos (TVI) lembra quando Carnaxide o descartou