Inovação

Tablets, livros e música: Algarve recebe novos investimentos da Altice

Protocolo assinado entre Altice Portugal e Câmara de Olhão
Protocolo assinado entre Altice Portugal e Câmara de Olhão

Alexandre Fonseca levou inovação para sul.

Oito meses depois de lançar a primeira fase do projeto Digitalização do Processo Letivo, que resultou na disponibilização de tablets a quatro agrupamentos escolares com recursos digitais LeYa, a Altice Portugal desafiou a Câmara Municipal de Olhão a ser o município-piloto da desmaterialização do processo educativo. O que significa pôr a tecnologia ao serviço da educação, através de 1440 tablets para os miúdos do 4.º, 7.º e 10.º ano.

A iniciativa, que levará mais investimento e mais iniciativas em responsabilidade social ao Algarve, resulta de um protocolo assinado entre a Altice e a autarquia que Alexandre Fonseca descreve como “um enorme orgulho”, uma iniciativa “que enriquecerá o desenvolvimento social da população”. “No âmbito da nossa estratégia de colocar Portugal na vanguarda da tecnologia e da inovação, estamos muito satisfeitos por poder contar com os parceiros da região sul”, afirmou no local o presidente executivo da Altice Portugal, apontando como objetivo “aumentar o acesso a serviços avançados, garantindo não só um melhor futuro à população como participando de forma ativa na diferenciação”. “Com o crescimento da era tecnológica as escolas têm de assumir um papel diferenciador na educação dos seus alunos, seja através de recursos digitais, seja através de ferramentas inovadoras que potenciem a aprendizagem destes jovens”, concluiu.

Também o presidente da Câmara de Olhão, António Pina, enalteceu a iniciativa, sublinhando que “a Altice tem sido uma parceira da nossa autarquia porque revemo-nos na forma de encarar o futuro e na forma como as tecnologias estão no centro do nosso desenvolvimento económico e social e só por isso, é possível levar à frente este projeto. Também estão disponíveis desde a primeira hora para ajudar-nos na formação, na formação dos professores, na adaptação e na forma como vamos conseguir atrair os jovens para esta nova forma de ensinar”, juntou o responsável municipal.

Cabine de Leitura em Faro

Cabine de Leitura em Faro

Música e leitura a Sul

Além da aposta tecnológica, e aproveitando a viagem para Sul, a Altice Portugal aproveitou ainda o momento para mais uma iniciativa: a inauguração de uma cabine de leitura na Praça Dom Francisco Gomes, uma parceria da Fundação Altice com a Câmara Municipal de Faro. À semelhança dos outros projetos do género já abertos por todo o país, incluindo as ilhas, fez-se a reconversão de uma antiga cabine numa microbiblioteca, “com o objetivo de estreitar laços comunitários, exercitar a cidadania e fomentar a leitura num espaço totalmente inesperado, sob o mote ‘Levar, Doar, Ler, Devolver'”.

“As cabines telefónicas continuam a ser um elemento da nossa memória, fazem parte da nossa cultura; e se puderem ser utilizadas com outra valência também meritória, é uma boa ideia”, sublinhou na cerimónia o presidente da Câmara de Faro, Rogério Bacalhau.

Apresentação do Festival F

Apresentação do Festival F

Ainda no âmbito cultural e na mesma geografia, a Altice Portugal aproveitou para anunciar, na Cidade Velha de Faro, o seu patrocínio e parceria tecnológica com o Festival F, que decorre de 5 a 7 de
setembro, nesta que será já a quarta edição. Uma aposta que a empresa justifica com a consciência da “importância e do valor emocional intrínseco à música”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (Fotografia: José Coelho/ Lusa)

Marcelo promulga alterações à lei laboral

Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (Fotografia: José Coelho/ Lusa)

Marcelo promulga alterações à lei laboral

. MÁRIO CRUZ/LUSA

Bases para negociação “ainda longe do necessário”, avisa sindicato

Outros conteúdos GMG
Tablets, livros e música: Algarve recebe novos investimentos da Altice