Candidaturas abertas

Bolsas de mestrado em Pequim para formar líderes globais

O Schwarzman College faz parte da Universidade de Tsinghua e está inserido no seu campus, em Pequim. FOTO: U. Tsinghua
O Schwarzman College faz parte da Universidade de Tsinghua e está inserido no seu campus, em Pequim. FOTO: U. Tsinghua

Candidatos selecionados para entrevista são anunciados em outubro. As bolsas Schwarzman são integrais: todos os custos são cobertos, mesmo as viagens

Já estão a decorrer e terminam no próximo dia 27 de julho, as inscrições para o programa Schwarzman Scholars, que oferece bolsas de estudo para cursos de mestrado na Universidade de Tsinghua, em Pequim. Propondo uma formação em “Assuntos Globais” [Global Affairs], todos os anos este programa seleciona perto de 150 académicos (scholars) de todo o mundo e de todas as áreas do conhecimento para residirem, estudarem e pesquisarem durante um ano no Schwarzman College. Trata-se de uma iniciativa a que está associada a rede Santander X, o maior ecossistema de empreendedorismo universitário do mundo, de que Portugal é membro fundador, nomeadamente através das universidades do Porto e de Coimbra e dos institutos Superior Técnico de Lisboa e Politécnico de Setúbal.

Habilitados a participar no programa estão todos os jovens entre os 18 e 28 anos, que tenham concluído a graduação até agosto de 2019 (início das aulas em Pequim). E, independentemente da formação que tenham, os candidatos podem escolher entre três áreas de estudo: Políticas Públicas, Economia e Negócios, e Estudos Internacionais.

As candidaturas terão obrigatoriamente de ser feitas online na página do próprio Schwarzman College. Aí encontrarão também o elenco de todos os requisitos que os interessados terão de preencher, nomeadamente o comprovativo do domínio da língua inglesa – já que o curso é ministrado em inglês –, as cartas de recomendação e os trabalhos que terão de entregar a par do seu currículo completo.

Em outubro deste ano será divulgada a lista dos candidatos selecionados para a fase de entrevistas, que podem ocorrer numa de quatro cidades – Pequim, Londres, Nova Iorque ou Banguecoque –, sendo que os respetivos custos da viagem e estada são assegurados pelo programa Schwarzman.

O Schwarzman Scholars é um programa que oferece bolsas integrais, o que significa que cobrem não apenas os custos do mestrado, mas também as passagens áreas para a China, o alojamento – no campus universitário de Tsinghua –, alimentação, seguro de saúde, um computador e uma quantia mensal para gastos pessoais.

O corpo docente do programa inclui professores da Tsinghua e de outras universidades de renome global, como Harvard, Yale, Oxford, Stanford, entre outras. O programa compreende, ainda, etapas de estágio profissional em instituições públicas e privadas em Pequim

Localizada em Pequim, Tsinghua é considerada a melhor universidade dos países emergentes – os chamados BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China). E programa Schwarzman Scholars incluiu não apenas professores da Tsinghua, como de outras universidades de prestígio, como Harvard, Yale, Oxford ou Stanford.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
A Loja das Conservas tem um restaurante para promover o consumo deste produto. Fotografia: Leonardo Negrão/Global Imagens

Turistas fazem disparar vendas de conservas portuguesas

Miguel Gil Mata,  presidente executivo, da Sonae Capital, nos estúdios da TSF.
Foto: Reinaldo Rodrigues/Global Imagens

Sonae reduz portefólio Imobiliário e investe em Energia

Fotografia: DR

Elliott quer EDP nas renováveis. Mas tem forçado vendas nos EUA

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Bolsas de mestrado em Pequim para formar líderes globais