prémios

ISVouga inaugura ano dinstinguindo o talento académico

Paulo Barros Ferreira (na foto da esq.) e Cláudia Correia Pimenta (à dta). tiveram o melhor desempenho académico do ano passado no ISVouga. Receberam o seu prémio das mãos de Nuno Vieira (em ambas as fotos), responsável do Banco Santander.
Paulo Barros Ferreira (na foto da esq.) e Cláudia Correia Pimenta (à dta). tiveram o melhor desempenho académico do ano passado no ISVouga. Receberam o seu prémio das mãos de Nuno Vieira (em ambas as fotos), responsável do Banco Santander.

Cerimónia de lançamento do ano serviu também para dar as boas vindas aos novos estudantes nacionais e estrangeiros e dar a conhecer as instalações

Está oficialmente inaugurado, desde esta quarta-feira, 26 de setembro, o ano letivo 2018/19 no Instituto Superior de entre Douro e Vouga (ISVouga). E começou da melhor maneira, com a entrega dos prémios de mérito, atribuídos anualmente com o apoio do programa Santander Universidades.

Distinguidos com o melhor desempenho académico do ISVouga no ano transato foram, Paulo César Barros Ferreira (foto esq.), licenciado em Marketing, Publicidade e Relações Públicas, e Cláudia Patrícia Correia Pimenta (a dta.), que concluiu o curso de Solicitadoria. Ambos receberam o seu prémio das mãos de Nuno Vieira, responsável do Banco Santander.

Visados por outros prémios de excelência, atribuídos por diferentes empresas e entidades – como a Colep, a Corticeira Amorim, a Sintética, ou a própria DGES-Direção Geral do Ensino Superior, entre outras –, foram vários licenciados e finalistas de cursos tão díspares como Engenharia da Produção Industrial, Contabilidade e Gestão de Empresas.

Presentes na cerimónia de abertura, que teve por anfitriã a diretora do ISVouga, Teresa Leão, e decorreu no respetivo auditório, estiveram, além de vários membros direção do instituto e administradores do tecido empresarial local, os novos estudantes nacionais e estrangeiros, que assim puderam testemunhar o reconhecimento do talento dos seus congéneres mais avançados.

Em comunicado, a direção do ISVouga afirmou que, na inauguração deste ano, “a valorização do mérito assumiu, assim, emblematicamente o reconhecimento de um esforço e de um compromisso que gera frutos a nível individual e coletivo”. Um facto que, segundo o mesmo documento, foi enfatizado pela vice-presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, que é também vereadora da Educação, Desporto e Juventude, quando no seu discurso de encerramento referiu a necessidade de “capacitação de cada um para a mudança que é, na nossa sociedade, um fenómeno constante e que ocorre, cada vez mais, com maior rapidez”.

No final, a cerimónia contou com a cooperação da Associação Académica do ISVouga, que, para os menos familiarizados com o espaço, conduziu uma visita guiada às instalações da academia. Já no exterior, a iniciativa encerrou com a atuação de duas tunas do instituto: Partituna (masculina) e Vougatuna (feminina).

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ministro das Finanças, Mário Centeno, intervém durante a  conferência "Para onde vai a Europa?", na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, 22 de março de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

Próximo governo vai carregar mais 8 mil milhões em dívida face ao previsto

O ministro das Finanças, Mário Centeno, intervém durante a  conferência "Para onde vai a Europa?", na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, 22 de março de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

Próximo governo vai carregar mais 8 mil milhões em dívida face ao previsto

Motoristas de matérias perigosas em greve concentrados na Companhia Logística de Combustiveis - CLC.
Fotografia: Paulo Spranger / Global Imagens

Combustíveis. Sindicato conseguiu mais 200 sócios com greve

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
ISVouga inaugura ano dinstinguindo o talento académico