Escolhe a tua carreira

Já sabes o que queres ser no futuro? Descobre aqui.

Os estudantes do secundário são os primeiros a terem necessidade de fazer opções de carreira, mas esta secção também se destina aos que querem mudar de curso ou mesmo de profissão. FOTO: Adelino Meireles / Global Imagens
Os estudantes do secundário são os primeiros a terem necessidade de fazer opções de carreira, mas esta secção também se destina aos que querem mudar de curso ou mesmo de profissão. FOTO: Adelino Meireles / Global Imagens

O objetivo é responder a esta pergunta e descobrir profissões novas e interessantes que não ocorreriam a ninguém

Chegada aquela altura do ano em que os estudantes, sobretudo do 9º e 12º ano, têm de fazer opções que ditam o seu futuro profissional a rubrica Campus Santander Universidades, no site do Dinheiro Vivo, decidiu criar uma secção para os ajudar. Em parceria com a plataforma vocacional Design the Future, todas as semanas será publicado um pequeno resumo e um vídeo de uma “profissão de que nunca ouviste falar”, para inspirar os indecisos.

Quem quiser ver e procurar mais pode sempre usar os links para consultar a própria plataforma, onde encontrará mais de 200 profissões, 3.700 cursos (profissionais, licenciaturas, mestrados integrados, etc.) e ainda um motor de exploração vocacional para ajudar a descobrir a profissão ideal para cada um.

E apesar de serem os estudantes do secundário, com as escolhas de área que têm de fazer, que saltam logo à memória, a ajuda da plataforma destina-se também para aqueles que, estando insatisfeitos com as suas opções, querem mudar de curso ou até da profissão que já exercem.

Para esta semana, a secção “Profissão de que nunca ouviste falar” propõe-te descobrir o que faz um toxicologista forense. Sendo uma atividade que na última década tem sido objeto de muitos filmes e séries de sucesso, como o “CSI”, a toxicologia forense tem por principal objetivo a deteção e identificação de substâncias tóxicas. Por regra, esta profissão envolve perícias em indivíduos vivos ou vítimas mortais, que são solicitadas por diversos organismos no âmbito de uma investigação criminal.

Tudo isto até pode não ser novidade, hoje em dia, mas saber qual o perfil necessário para se ser um toxicologista forense e que opções formativas existem em Portugal para lá chegar, já é diferente. Por isso, vê o vídeo e consulta a “ficha” do toxicologista forense.

A carregar player...
Já sabes o que queres ser no futuro? Descobre aqui. Toxicologista forense

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
REUTERS/James Lawler Duggan

Trump ameaça impor taxa de 20% aos carros europeus

Fotografia: JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

China State Construction quer mais negócios além da Lusoponte

Fotografia: D.R.

OPEP aumenta produção. Mas preço do petróleo sobe

Outros conteúdos GMG
Já sabes o que queres ser no futuro? Descobre aqui.