Inovação

Stamply Box portuguesa vence concurso para o pós-Covid

Momento da cerimónia final de apresentação dos vencedores do Santander X Tomorrow Challenge, que decorreu esta sexta-feira, 17 de julho, e foi transmitida por streaming. Foto: D,R.
Momento da cerimónia final de apresentação dos vencedores do Santander X Tomorrow Challenge, que decorreu esta sexta-feira, 17 de julho, e foi transmitida por streaming. Foto: D,R.

Concurso Santander X Tomorrow Challenge foi lançado pelo banco a nível global para premiar as melhores respostas aos desafios pós-Covid-19

A Stamply Box estanque e inteligente criada pela start-up portuguesa Mater Dynamics acaba de ganhar o concurso internacional Santander X – Tomorrow Challenge, foi anunciado esta sexta-feira, 17 de julho. Lançado pelo banco para premiar as melhores soluções para os principais desafios pós-Covid-19, a inovadora caixa é capaz de conservar os alimentos perecíveis na melhor das condições e protegê-los de contaminações durante o seu transporte. Uma solução que garantiu à empresa dos jovens empreendedores portugueses um lugar entre os cinco vencedores do seu segmento do concurso.

“Estamos muito contentes com esta oportunidade, que vai dar um novo alento à empresa para escalar o nosso desenvolvimento e a chegada ao mercado”, disse Tiago Cunha Reis, um dos fundadores da Mater Dynamics.

A cerimónia final do concurso Santander X Tomorrow Challenge, em que foram anunciados os vencedores das diversas categorias, decorreu por streaming esta sexta-feira, e o vídeo está disponível online.

Segundo o responsável, a pandemia veio restruturar a forma como as pessoas compram os produtos e toda a interação entre estes e o retalhista, o produtor e o consumidor. O tal “novo alento” que a Mater Dynamics quer ganhar consiste em “descobrir novas formas de utilizar a [sua] tecnologia para responder a assuntos mais emergentes, como a confiança alimentar e a garantia de maior qualidade desde a quinta até à porta do consumidor”, explicou Tiago Cunha Reis.

A conjuntura pandémica e a vitória no Tomorrow Challenge “veio claramente mostrar que há aqui uma oportunidade de mercado e agora vamos estruturar, juntamente com o Santander, uma estratégia global para resolver um problema que é também global”, disse Cunha Reis.

A Stamply Box, criada por Tiago Cunha Reis (na foto) e restante equipa da Mater Dynamics, tem capacidade até 20 kg e consegue conservar uma amplitude de temperaturas entre -35ºC e +90ºC. FOTO: D.R. / T. Cunha Reis

A Stamply Box, criada por Tiago Cunha Reis (na foto) e restante equipa da Mater Dynamics, tem capacidade até 20 kg e consegue conservar uma amplitude de temperaturas entre -35ºC e +90ºC. FOTO: D.R. / T. Cunha Reis

A Stamply Box e a equipa da Mater Dynamics tiveram de se bater com mais de 5.000 outros projetos candidatos, já que o Santander X Tomorrow Challenge foi um concurso lançado pelo banco a nível global (do universo Santander, ou seja, América Latina, Península Ibérica e Polónia). Divididos os concorrentes em quatro segmentos, apenas 10 de cada um passaram à final, dos quais foram eleitos cinco vencedores em cada grupo, num total de 20. Pelas duas dezenas de vencedores serão distribuídos pelo Santander prémios pecuniários no valor de um milhão de euros.

A Mater Dynamics é um dos vencedores do segmento de Re-Launch, que visou encontrar soluções inovadoras para o mercado para ajudar a relançar a economia. A vitória trouxe à empresa mais de 100 horas de mentoria com peritos em várias áreas e um prémio de 20 mil euros, para aplicar no projeto.

Além disso, garantiu também à empresa acesso privilegiado à plataforma de Santander X, que permite o contacto online com um vasto manancial de empreendedores, mentores, empresários e académicos, bem como a divulgação dos mais inéditos projetos. Facto que ajuda a abrir à Mater Dynamics o mercado da América Latina e que a empresa vê como “um alvo bastante apetecível”, admite Tiago Cunha Reis.

Para se ter uma ideia, explica o jovem, empresário, “o mercado de rastreabilidade dos alimentos a nível mundial são cerca de 750 mil milhões de dólares. O mercado da América Latina representa um quarto deste valor – está balizado entre os 250 e os 300 mil milhões de dólares”. E depois, continua, “enquanto na Europa este mercado está a crescer a uma taxa de 6,3% ao ano, na América Latina, por causa das questões da segurança e da fraude alimentar, está a crescer a uma taxa de 12% ao ano”.

Estamos muito contentes com esta oportunidade, que vai dar um novo alento à empresa para escalar o nosso desenvolvimento e a chegada ao mercado”, disse Tiago Cunha Reis, um dos fundadores da Mater Dynamics.

Assim, a internacionalização está já nos horizontes da Mater Dynamics, tendo esta vitória sido o seu primeiro passo. O segundo passa pela contratação de mais uma pessoa – que se juntará à “vasta” equipa de seis elementos da empresa – especialista em marketing dirigido, para melhorar a comunicação.

“Vamos investir muito no sentido de ver como podemos falar com os produtores, como podemos comunicar melhor a nossa solução e também como podemos agilizar os processos de vendas entre os diferentes canais que formos encontrando pelo caminho”, revelou Tiago Cunha Reis.

A receita para a vitória

A Stamply Box criada por esta equipa de jovens empreendedores – cujas áreas de formação vão da engenharia, à química e eletrónica – consegue transmitir informação captada do interior da caixa (fechada e isolada) graças a nanossensores incorporados na superfície da mesma, como explicou o responsável. A mater Dynamics já tem caixas próprias, mas a sua tecnologia pode ser aplicada a outros recipientes e volumes pela simples aposição de uma autocolante com esta nanotecnologia.

Graças aos diminutos sensores existentes nos seus QStamps (selos) ou incorporados no próprio material das caixas é possível monitorizar a tempo inteiro, por exemplo, a temperatura no seu interior, a sua inviolabilidade e o percurso que foi fazendo desde o produtor até ao consumidor – aquilo que na língua inglesa é designado por “traceability” e que em português encontra equivalente no termo rastreabilidade. Uma qualidade que acresce à capacidade de refrigeração da própria caixa, já que a Stamply Box foi inspirada nas antigas geleiras portáteis de praia.

A Samply Box é refrigerada e já tem incorporada a tecnologia necessária para proteger os alimentos, mas o selo da Mater Dynamics pode ser aplicada noutras embalagens. FOTO: D.T. / Mater Dynamics

A Samply Box é refrigerada e já tem incorporada a tecnologia necessária para proteger os alimentos, mas o selo da Mater Dynamics pode ser aplicado noutras embalagens. FOTO: D.T. / Mater Dynamics

Depois, todo o percurso e vicissitudes sofridas pela caixa e respetivo conteúdo podem ser acompanhados por todos os intervenientes na cadeia através da Mater X, uma aplicação especificamente desenvolvida para o efeito e a que se pode aceder em qualquer smartphone ou tablet.

O formato das caixas é precisamente uma das vertentes em que a Mater Dynamics vai aplicar os 20 mil euros do prémio monetário que irá receber. “Cerca de 45% a 48% desse valor é para melhorar os nossos protocolos de comunicação e os nossos sensores – ou seja, estamos a aumentar a segurança –, e para expandir o nosso produtos para novos formatos”, explicou Cunha Reis.

A aposta na segurança é um “fator crítico” para a Mater Dynamics, porque está “a gerir informação de operações”, explica o seu cofundador. “E os novos formatos são muito importante porque apesar de neste momento nós já termos uma caixa a ser comercializada, há outras soluções de rastreabilidade que passam por sacolas, sacos de papel e de plástico, ou seja, há todo um esforço adicional de preparação da nossa tecnologia para o maior número de embalagens.” Algo que se afigura imperativo para quem se prepara expandir o seu serviço por mercados mais vastos.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: Gerardo Santos/Global Imagens

Economia portuguesa afunda 16,3% entre abril e junho

Visitantes na Festa do Avante.

Avante!: PCP reduz lotação a um terço, só vão entrar até 33 mil pessoas por dia

covid 19 portugal casos coronavirus DGS

Mais 235 infetados e duas mortes por covid-19 em Portugal. Números baixam

Stamply Box portuguesa vence concurso para o pós-Covid