Prémio WBCSD

Isabel Barros, administradora da Sonae MC, vence prémio de liderança feminina

Isabel Barros, Presidente da APED
Isabel Barros, Presidente da APED

Isabel Barros foi distinguida com o 2019 WBCSD Leading Women Awards, que premeia mulheres que contribuem nas empresas para o cumprimento dos objetivos de desenvovimento sustentável da ONU.

Isabel Barros, presidente do Grupo Consultivo de Sustentabilidade das empresas Sonae e administradora executiva da Sonae MC, foi uma das mulheres distinguidas pelo 2019 WBCSD Leading Women Awards, a única portuguesa.

Os WBCSD Leading Women Awards visam dar visibilidade à liderança feminina nas empresas que fazem parte do WBCSD (World Business Council for Sustainable Development) e que trabalham para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas. Os prémios Leading Women Awards constituem um contributo, segundo a organização, “para as metas do objetivo 5, que procura alcançar a igualdade de género e empoderamento de todas as mulheres e raparigas até 2030”.

Formada em Psicologia pela Universidade do Porto, Isabel Barros é também, desde março deste ano, presidente da Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição (APED).

O Encontro de Conselho do WBCSD decorre este ano em Lisboa. Começou hoje e termina na quinta-feira, dia 17. O evento traz à capital portuguesa mais de 200 líderes mundiais para debater os desafios e soluções para acelerar a transição para um mundo sustentável.

O WBCSD reúne empresas de vários setores de atividade de todo mundo que, no conjunto, representam, segundo a organização, 19 milhões de trabalhadores e cerca de 10% do PIB mundial.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Ricardo Mourinho Félix, Secretário de Estado Adjunto e das Finanças. 
( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

“Cidadãos não vão tolerar situações que ponham estabilidade financeira em risco”

Ricardo Mourinho Félix, Secretário de Estado Adjunto e das Finanças. 
( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

“Cidadãos não vão tolerar situações que ponham estabilidade financeira em risco”

Lisboa, 22/11/2019 - Money Conference, Governance 2020 – Transparência e Boas Práticas no Olissippo Lapa Palace Hotel.  António Horta Osório, CEO do Lloyds Bank

( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

Horta Osório: O malparado na banca portuguesa ainda é “muito alto”

Outros conteúdos GMG
Isabel Barros, administradora da Sonae MC, vence prémio de liderança feminina