Emprego

Da engenharia à gestão: EY vai contratar 300 jovens em 2019

Margarida Dias, diretora da Talent Team da EY Portugal
Margarida Dias, diretora da Talent Team da EY Portugal

A consultora EY vai contratar mais de 300 jovens em 2019 das áreas da gestão, economia. tecnologias, engenharias e matemáticas.

“O que faz um engenheiro numa consultora como a EY?” Estas é uma das questões que Margarida Dias, diretora da Talent Team da EY Portugal ouve várias vezes quando a consultora arranca com o seu processo de recrutamento de jovens universitários.

As áreas que vão estar no topo da lista da EY neste processo de recrutamento de jovens talentos vão das Finanças, à Gestão, passando pela Tecnologia, Ciências, Engenharia e Matemática e neste momento a consultora tem já tudo a postos para receber os 300 jovens que pretende recrutar em 2019.

Este novo processo – que fará com que as empresa ultrapasse as mil contratações neste últimos quatro anos – permitirá à EY reforçar a sua oferta na área do Digital Transformation. “A revolução tecnológica que estamos a viver pressupõe a existência de equipas multidisciplinares e é por este motivo que estamos a intensificar a contratação de novos licenciados com diversos backgrounds técnicos e científicos” precisa Margarida Dias.

A responsável afirma, por isso, que, para além das habituais áreas de gestão e economia, as STEMs (Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática) “representam, igualmente, um recurso fundamental para um mundo em permanente mudança”.

A identificação dos novos talentos irá ser feita ao longo deste próximos meses sendo que no último ano mais de um quarto (27%) dos recém mestres contratados pela empresa foram das áreas das ciências, tecnologias, engenharias e matemática.

Entre estes 27% estão alguns dos que iniciaram este processo de recrutamento questionando o que pode fazer um engenheiro ou mesmo um matemático numa consultora como a EY. É que, assinala, Margarida Dias, muitos dos que iniciaram a carreira na consultora acabaram por encontrar na EY perspetivas de carreira que “desconheciam por completo”.

A metodologia usada pela consultora permite-lhe analisar de forma rápida os diversos candidatos e sinalizar uma média anual de 600 perfis. Ainda que tenha um foco predominante no sucesso académico dos candidatos, também avalia o que chama de “perfil EY”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Vaz, CEO da Vodafone Portugal  Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens

Mário Vaz. “Havendo frequências, em julho teríamos cidades 5G”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (C), durante a cerimónia militar do Instituto Pupilos do Exército (IPE), inserido nas comemorações do 108.º aniversário da instituição, em Lisboa, 23 de maio de 2019.  ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Marcelo: “Quem não for votar, depois não venha dizer que se arrepende”

Certificados

Famílias investiram uma média de 3,3 milhões por dia em certificados este ano

Outros conteúdos GMG
Da engenharia à gestão: EY vai contratar 300 jovens em 2019