Emprego

Doutor Finanças vai contratar 30 pessoas em 2019

Rui Bairrada, da Doutor Finanças.
( Pedro Rocha / Global Imagens )
Rui Bairrada, da Doutor Finanças. ( Pedro Rocha / Global Imagens )

Empresa de finanças pessoais e familiares em Portugal procura consultores de crédito, programadores e especialistas em marketing e conteúdos.

A empresa de consultoria de finanças pessoais e familiares Doutor Finanças vai contratar 30 pessoas em 2019. A marca lançada em 2014 pretende reforçar os seus serviços e apostar mais no online, depois de ter inaugurado a primeira clínica física em 2018.

O Doutor Finanças procura especialistas em crédito à habitação, produtores e gestores de conteúdos, especialistas em marketing digital, gestores de projetos digitais e programadores. As inscrições para estas vagas poderão ser feitas através desta página.

“Estamos a ajudar cada vez mais famílias portuguesas. Todos os meses aumentam os pedidos de ajuda que recebemos. Desta forma, pretendemos juntar à nossa já grande família de mais de 80 doutores, cerca de 30 novos colaboradores, até ao final do ano. Queremos reforçar as várias vertentes do nosso serviço, desde o comercial, com consultores especializados nas várias áreas de crédito, a talentos que possam ajudar-nos a melhorar a nossa vertente digital e tecnológica, que assume uma importância determinante para nós”, refere Rui Bairrada, citado em nota de imprensa esta segunda-feira.

Leia mais: A fórmula de um especialista para poupar já este mês

Conhecida por desmistificar os termos do mundo das finanças, a aposta da literacia é uma das áreas da Doutor Finanças. Desde que nasceu o projeto, em 2014, os colaboradores andam pelo país inteiro de bata vestida a dar formação gratuita em empresas. Também promovem formações em eventos de associações e outros núcleos de pessoas mais carenciadas, conforme referiu Rui Bairrada em entrevista ao Dinheiro Vivo, em setembro de 2018.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fátima Fonseca , Secretária de Estado da Administração e Emprego Público.

Leonardo Negrão / Global Imagens

Aumentos em serviços sem processos centralizados podem ficar para março

Foto: Jorge Amaral/Global Imagens

Governo: Cabe ao regulador dos seguros avaliar idoneidade de Tomás Correia

( Paulo Spranger / Global Imagens) .

PCP quer saber o que se passa com os precários de seis laboratórios do Estado

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Doutor Finanças vai contratar 30 pessoas em 2019