carreira

E-mails. Evite estes 4 erros mais comuns

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Especialistas assinalam quatro erros que se cometem habitualmente ao enviar um e-mail e que podem afetar a carreira.

Quem nunca abriu a caixa de correio eletrónico para se deparar com uma verdadeira avalanche de novas mensagens por ler? Em certos casos, chegam a ser milhares, o que faz com que a tarefa de ler e responder a e-mails se torne demasiado complicada e consumidora de tempo precioso que poder ser gasto noutras tarefas laborais.

Diz o El Economista que, em média, recebemos cerca de 120 e-mails por dia, de acordo com vários estudos realizados. Conclusão: estamos tão fartos desta ferramenta de trabalho imprescindível que descuidamos as regras do seu uso diário.

“Cada e-mail que enviamos afeta a nossa reputação profissional”, defende Shani Harmon, fundadora da empresa Stor Meetin Like This, que ajuda as empresas a serem mais produtivas, num artigo publicado na Harvard Business Review. Este especialista assinala quatro erros que se cometem habitualmente ao enviar um e-mail e que podem afetar a carreira.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
EDP_ENGIE2

EDP e Engie vão investir até 50 mil milhões para liderarem eólicas no mar

EDP_ENGIE2

EDP e Engie vão investir até 50 mil milhões para liderarem eólicas no mar

Da esquerda para a direita: Ricardo Mourinho Félix, secretário de Estado das Finanças, Angel Gurría, secretário-geral da OCDE, e Pedro Siza Vieira, ministro da Economia. Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens

OCDE. Dinamismo das exportações nacionais tem o pior registo da década

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
E-mails. Evite estes 4 erros mais comuns