Golfe

Saiba onde Tiger Woods gastou a sua fortuna, agora que ele voltou

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Veja as imagens.

Depois de uma ausência de dez meses, motivada não só pelos problemas de saúde que tinha nas costas como também pelas complicações na vida pessoal, Tiger Woods está de volta ao universo do golfe.

Desde 1996, ano em que se tornou praticante profissional do desporto, Woods amealhou algo como 1.4 mil milhões de dólares até 2016, dos quais apenas 110 milhões vieram das capacidades que demonstrava em campo. A grande fatia da fortuna que detém veio, sobretudo, daquilo que acontecia fora dos relvados. Só em 2016, o golfista assinou contratos de patrocínios que lhe garantiam 46 milhões de dólares.

No entanto, e apesar do muito dinheiro de que sempre dispôs, muito dele foi gasto a controlar a exposição mediática de alguns momentos da sua vida íntima, tais como os vários casos extraconjugais que teve, o acidente com o Cadillac acabado de comprar, o jato privado que usa para fazer as suas deslocações, o milionário iate que comprou ou, mais recentemente, todo o aparato em torno da sua detenção por conduzir alcoolizado.

Conheça, na galeria acima, o estilo extravagante adotado por Tiger Woods e que dá uso aos muitos milhões de dólares que foi acumulando ao longo dos últimos 20 anos.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Paulo Azevedo, Chairman e Co-CEO da Sonae, e Ângelo Paupério, Co-CEO da Sonae.

(Leonel de Castro / Global Imagens)

Sonae SPGS com lucros de 200 milhões até setembro

Veículos estacionados no porto de Setúbal, durante a greve dos estivadores precários, em Setúbal, 14 de novembro de 2018. Em causa está um diferendo laboral desencadeado por um grupo de estivadores precários e a empresa de trabalho portuário Operestiva, que afeta várias empresas, entre as quais a Autoeuropa. ANDRÉ AREIAS/LUSA

Setúbal: Operestiva disposta a negociar se estivadores voltarem ao trabalho

Primeira-ministra Theresa May, 14 de novembro de 2018. EPA/FACUNDO ARRIZABALAGA

Brexit: May consegue apoio do Governo e aprova rascunho do acordo final

Outros conteúdos GMG
Saiba onde Tiger Woods gastou a sua fortuna, agora que ele voltou