Emprego

Mais de 100 empresas na Feira Internacional de Emprego Universitário

Santander nas universidades

Mais de 100 empresas, nacionais e internacionais, vão estar a recrutar na Feira Internacional do Emprego Universitário de 2 a 3 de novembro

Mais de 100 empresas, associações profissionais e organismos públicos vão estar na FINDE.U – Feira Internacional de Emprego Universitário para recrutar e desafiar estudantes e recém-diplomados a integrar as equipas de algumas das maiores organizações nacionais e internacionais, como são os casos da Bosch, Calzedonia, Continental, Decathlon, Deloitte, EDP, Lactogal, SONAE ou a YAZAKI.

Organizada pela Universidade do Porto, em parceria com as universidades de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e de Vigo, a FINDE.U tem entrada livre e acontece nos dias 2 e 3 de novembro, entre as 10h00 e as 18h00, no Centro de Congressos da Exponor e nos dias 8 e 9 de novembro em Vigo. Desde o retalho, até à tecnologia, gestão, engenharia, indústria, banca e serviços, vários são os setores de atividade representados na Feira Internacional de Emprego Universitário. O programa da FINDE.U integra um conjunto de atividades paralelas, nomeadamente espetáculos de música e sessões de esclarecimento, promovidas pelas entidades presentes na feira.

Durante dois dias, os jovens estudantes e diplomados universitários terão a oportunidade de contactar e dar-se a conhecer aos seus potenciais empregadores. Mais de duas mil oportunidades de carreira estão disponíveis nesta Feira Internacional de Emprego, com vagas que podem ir desde empregos a tempo inteiro até bolsas de investigação ou programas de estágios nacionais e internacionais.

“As Universidades têm o dever legal e moral de promover a integração profissional dos seus diplomados. A nossa missão é a formação integral dos nossos jovens, garantindo que desenvolvem competências científicas, técnicas ou artísticas especializadas, mas promovendo igualmente o desenvolvimento de uma consciência social que facilite a sua integração profissional, para o benefício pessoal do diplomado e para o desenvolvimento do país. Portugal não pode desperdiçar o conhecimento, a mundividência e a energia de uma geração de jovens altamente qualificados”, realça o Reitor da Universidade do Porto, Sebastião Feyo de Azevedo, em comunicado.

A Universidade do Porto disponibiliza ainda transporte gratuito a toda a comunidade académica desde os três polos universitários do Porto até à Exponor, e vice-versa, com autocarros a passar em permanência, a cada 30 minutos.

Em 2015, a primeira edição da feira contou com três mil visitantes e foram transacionados mais de 14 mil currículos, entre os visitantes e as 80 organizações participantes.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Ilustração: Vítor Higgs

Indústria têxtil em força na principal feira de Saúde na Alemanha

O Ministro das Finanças, João Leão. EPA/MANUEL DE ALMEIDA

Nova dívida da pandemia custa metade da média em 2019

spacex-lanca-com-sucesso-e-pela-primeira-vez-a-nave-crew-dragon-para-a-nasa

SpaceX lança 57 satélites para criar rede mundial de Internet de alta velocidade

Mais de 100 empresas na Feira Internacional de Emprego Universitário