Desigualdade salarial

Portugal falha redução da disparidade salarial entre homens e mulheres

mulheres, ferramentas digitais, empreendedoras
Fonte: Pixabay

Comité dos Direitos Sociais diz que não foi feito o suficiente pelas autoridades para garantir a igualdade de rendimentos entre homens e mulheres.

O Comité dos Direitos Sociais do Conselho da Europa advertiu Portugal por estar a violar o compromisso de promover a igualdade do género nos salários.

Considera que a legislação em Portugal é adequada e as medidas tomadas pelas autoridades são reconhecidas, mas a desigualdade persiste, noticia o jornal Público esta segunda-feira.

O Comité aponta que, na prática, não foi feito o suficiente pelas autoridades portuguesas para garantir uma verdadeira igualdade de rendimentos entre homens e mulheres e, por isso, Portugal foi considerado como estando em violação da Carta Social Europeia.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Biedronka assegura 68% das vendas; Pingo Doce 24%

Jerónimo Martins vai impugnar coima de 24 milhões na Polónia

Parque Eólico

EDP Renováveis vende sete parques eólicos à Finerge em Espanha

Luís Máximo dos Santos é presidente do Fundo de Resolução.

Fundo de Resolução diz que comprador da GNB tinha a proposta “mais atrativa”

Portugal falha redução da disparidade salarial entre homens e mulheres