gravatas

Usa Gravata? Então veja como pode inovar o seu estilo

ng3963459

A gravata é um acessório indispensável no dress code masculino, sobretudo para quem trabalha em ambientes mais formais. Mas mesmo que não tenha de a usar todos os dias, esta peça pode ser necessária para ocasiões especiais ou encontros de negócios, pelo que deve ter uma sempre à mão no escritório.

Este acessório tem evoluído ao nível do seu tamanho, material, forma e padrões. Hoje em dia, usam-se as gravatas mais finas, mas é importante ter em conta o tipo de corpo e o tamanho do pescoço, pois a ideia é que o seu formato seja proporcional para obter um visual mais equilibrado. Uma boa dica é escolher gravatas que tenham uma largura idêntica à lapela do casaco. A covinha na gravata também é um detalhe a considerar para ficar com mais estilo.

Existem vários tipos de nós de gravata: Simples (nó clássico para o dia a dia), Windsor (para usar em ocasiões especiais) e Semi Windsor (para usar com gravatas finas). Tenha também em conta o tamanho da sua cabeça para determinar o tipo de nó mais adequado. O material varia consoante as estações do ano e a ocasião.

Experimente conjugar diferentes materiais, tonalidades, texturas e padrões para um look mais actual, moderno e ousado.

Regras de estilo para usar gravata:

Pelos padrões clássicos, a gravata deve ser mais escura do que a camisa, sendo a aposta mais segura. Porém, se quiser quebrar esta regra assegure-se de que o look resulta. Em relação à sua altura, a ponta da gravata deve tocar no início da fivela do cinto. Para não amarrotá-la, coloque sempre o cinto de segurança do carro por baixo da gravata.

As gravatas adequadas para contextos mais formais são as lisas e as escuras, sem estampados ou padrões. Entre os motivos mais clássicos, destaque para as riscas coloridas (geralmente diagonais) e os padrões repetidos (bolinhas ou texturas). Porém, prefira as de detalhes mais pequenos. Use modelos estampados, texturizados, lisos, com riscas diagonais ou com padrões geométricos discretos. Em ambientes formais, de preferência conjugue as gravatas estampadas com camisas lisas.

Se pretender usar uma gravata com uma camisa de riscas, a combinação deve seguir o padrão de cores, ou seja conjugar o tom da camisa com o da gravata. O segredo está na harmonia. Os contrastes também são bem-vindos, mas se tem medo de arriscar, opte pela combinação tradicional e pouco a pouco alargue o seu leque de opções. Quanto maior for o padrão da camisa, mais casual irá ficar o seu look.

As gravatas em cores muito vivas (rosa fúcsia, verde-limão ou amarelo) são mais difíceis de combinar. Misture estes tons com cores neutras, como o azul-marinho e, por exemplo, em padrões, de forma a não ficarem tanto em evidência no visual. Ou então, opte por estas cores num tom mais suave: rosa claro, lilás ou amarelo claro. Os tons mais discretos, como é o caso das cores pastel, são boas opções para ambientes mais conservadores. Evite gravatas com motivos humorísticos ou bonecos para o trabalho.

Dicas de estilo para combinar a camisa com a gravata:

Quando combinar a camisa, o fato e a gravata, deve escolher qual das peças pretende destacar no visual. Se usar uma gravata de riscas sobre uma camisa do mesmo padrão, decida qual delas terá as riscas mais largas e chamativas, devendo a outra ser mais discreta. O mesmo é válido para combinações com xadrez. Escolha sempre padrões ou estampados com proporções diferentes.

Camisa lisa clara: Uma camisa branca ou de cor clara é a opção mais tradicional e fácil de conjugar. Basta escolher uma gravata lisa de cor mais viva ou com algum padrão, como riscas, bolinhas ou xadrez.

Camisa lisa escura: Neste caso, pode optar por uma gravata da mesma cor da camisa, num tom mais claro, ou escura e com detalhes mais claros.

Camisa com riscas finas: Prefira gravatas lisas. Para um estilo mais arrojado, pode misturar padrões. Prefira os de maior dimensão, de riscas diagonais ou de xadrez.

Camisa com riscas mais largas: Opte por gravatas lisas ou com padrões pequenos.

Camisa de riscas com gravata de riscas: Escolha uma camisa clara com riscas finas e uma gravata escura com riscas mais largas. Nunca use a mesma cor de gravata e de camisa, nem a mesma largura de riscas. A mesma regra é válida para o xadrez.

Camisa de xadrez: Conjugue-a com gravatas de xadrez de maior dimensão ou riscas largas.

Fato risca de giz: Use-o com uma camisa lisa e uma gravata com riscas diagonais ou de xadrez.

Prefira sempre o tom sobre tom para as gravatas lisas ou estampadas. No caso das gravatas estampadas, opte por um fundo escuro (se o fato for escuro).

* Consultora de Comunicação e Imagem, In Styleland – Image and Communication Consulting

Blogue: www.instyleland.com

Facebook: https://www.facebook.com/InStyleland

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa

Casas estão mais caras em todo o país. Grandes subidas chegam às periferias

Mario Draghi. Fotografia: BCE

Draghi afasta cenário de nova recessão até 2020 pelo menos

O presidente executivo da TAP, Antonoaldo Neves, e  o presidente do conselho de administração, Miguel Frasquilho. FOTOGRAFIA: Tiago Petinga/Lusa

TAP foca estratégia de crescimento na América do Norte

Outros conteúdos GMG
Usa Gravata? Então veja como pode inovar o seu estilo