Governo

Governo prepara isenções fiscais para rendas acessíveis

Fotografia: D.R.
Fotografia: D.R.

Nova Geração de Políticas de habitação, que prevê isenções fiscais para os senhorios que optem por rendas acessíveis

O Governo está a ultimar a Nova Geração de Políticas de habitação, que prevê isenções fiscais para os senhorios. O objetivo é dar um apoio público às necessidades de habitação das famílias com “rendimentos intermédios”, que não estão abrangidos pela habitação social.

Os senhorios que arrendarem os seus imóveis a um preço mais baixo, preço acessível, ou seja 20% inferior ao valor de referência de mercado, ficam isentos do pagamento do IRS sobre os rendimentos prediais e além disso pagarão apenas 50% do IMI, redução que pode chegar ao 100%, dependendo da decisão das assembleias municipais, adianta esta quarta-feira o Jornal de Negócios.

Trata-se do Programa de Arrendamento Acessível, que ainda terá que ser aprovado em Conselho de Ministros, e que já constava da Estratégia Nacional para a Habitação, aprovada em 2015. Mantendo-se a procura mais elevada que a oferta, e com muitos agregados familiares a não conseguirem suportar o valor de mercado das rendas, o governo quer tentar a solução pela via fiscal.

Atualmente, os senhorios pagam pelos rendimentos prediais uma taxa de 28% de IRS, sem qualquer redução de IMI, o que é considerado por muitos senhorios um valor elevado, e referem que uma das soluções é o alojamento local, com uma renda menor, logo poupam no imposto e com descontos no IMI.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Antonoaldo Neves EPA/GUILLAUME HORCAJUELO

TAP contrata mil tripulantes, traz 37 aviões novos e liga o Whatsapp (de graça)

Fotografia: João Girão/Global Imagens

Autoeuropa pode parar a qualquer momento por falta de espaço para os carros

gaspar fmi contas públicas défice dívida

FMI. Dívida mundial atinge máximo histórico de 162 biliões de euros

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Governo prepara isenções fiscais para rendas acessíveis