ADSE

ADSE. Novos beneficiários terão de descontar entre 30 e 85 euros

Fotografia: Nuno Fox
Fotografia: Nuno Fox

Novos beneficiários terão um ano para inscreverem-se e terão de permanecer na ADSE por três anos

Os novos beneficiários que quiserem aderir à ADSE, o subsistema de apoio na doença da Função Pública, terão de descontar todos os anos entre 30 e 85 euros. Este é o principal destaque do projeto de decreto-lei que regula os benefícios da ADSE e que foi apresentado na semana passada ao conselho geral e de supervisão do instituto, liderado por João Proença. Este órgão terá de pronunciar-se sobre a proposta até ao início de novembro, adianta esta quinta-feira o jornal Público.

Daqui a alguns meses, a ASAE irá permitir a entrada a novos beneficiários, com o estatuto de “associados”. Trata-se dos cônjuges dos beneficiários a trabalhar no sector privado, filhos maiores e os ascendentes.

Os descontos a efetuar variam com a idade: até aos 30 anos, a contribuição situa-se entre 30 e 38 euros; entre os 30 e o 45 anos, o desconto será de 45 a 59 euros; dos 45 aos 60 anos, montante será entre 62 e 85 euros. Estes novos beneficiários terão um ano para inscreverem-se e terão de permanecer na ADSE por três anos. Terão um período de carência de 90 dias até poderem beneficiar deste subsistema.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
António Ramalho (Novo Banco), Luís Pereira Coutinho (Banco Postal), Nuno Amado (BCP) e António Vieira Monteiro (Santander Totta). Fotografia: TIAGO PETINGA/LUSA

Transferências bancárias imediatas sim, mas com custos

Fotografia: Leonardo Negrão / Global Imagens

Lesados do Banif pedem indemnização de 100 milhões a Portugal e a Bruxelas

As associações representativas dos taxistas marcaram para esta quarta-feira uma manifestação nacional contra a promulgação pelo Presidente da República do diploma que regula as plataformas electrónicas de transporte como a Uber, Cabify, Taxify e Chaffeur Privé. Manifestação de Lisboa.
Táxis junto à rotunda do Marquês de Pombal 
( Nuno Pinto Fernandes/ Global Imagens )

Plataformas de transportes ganham pouco com concentração dos taxistas

Outros conteúdos GMG
ADSE. Novos beneficiários terão de descontar entre 30 e 85 euros