Economia

Alemanha trava tranche de 15 mil milhões à Grécia

Angela Merkel, chanceler alemã
Angela Merkel, chanceler alemã

A Alemanha bloqueou a tranche final de 15 mil milhões de euros à Grécia, depois de Atenas ter recuado na aplicação do aumento do IVA

A Alemanha bloqueou a tranche final de 15 mil milhões de euros à Grécia depois do governo de Atenas ter adiado a introdução de um aumento do imposto sobre as vendas. Esta notícia, avançada pela Bloomberg, dá sinais de que o primeiro-ministro grego tem pela frente um trabalho difícil para voltar a conquistar a confiança dos credores da Zona Euro.

O Eurogrupo (encontro dos ministros das Finanças da Zona Euro) deu esta quinta-feira luz verde à última tranche do empréstimo à Grécia. Contudo, surgiu uma questão de última hora. Alexis Tsipras, primeiro-ministro grego, decidiu recuar em relação a uma subida do imposto sobre o valor acrescentado (IVA), aplicado a várias ilhas que têm recebido em vários migrantes.

Com o adiamento da medida, Atenas perde uma receita de 28 milhões de euros. E a Alemanha quer que a Grécia encontre poupanças que permitam compensar esta perda de receita para assim libertar a verba, de acordo com um memorando a que a Bloomberg teve acesso.

Ainda assim, Pierre Moscovici, comissário europeu dos Assuntos Económicos, disse aos jornalistas em Bruxelas que o atraso não constituiu uma ameaça ao pagamento da tranche.

Klaus Regling, líder do Mecanismo de Europeu de Estabilidade, disse que “todos sabemos que o montante não é muito grande”. “Isto foi um passo importante que, com sorte, vai possibilitar também que a Alemanha” aprove o pagamento, acrescentou.

Grécia recebe última tranche em agosto

A Grécia vai receber a última fatia do programa de financiamento no próximo mês de agosto. Os países do Eurogrupo decidiram esta quinta-feira o calendário para desembolsar os 15 mil milhões de euros no âmbito do resgate financeiro a Atenas, afirmou o presidente do grupo da moeda única, Mário Centeno.

O líder do Eurogrupo afirmou, na conferência final, que “a última tranche foi ratificada” por todos os 18 países da Zona Euro, estando a decisão final dependente da Alemanha que tem procedimentos nacionais próprios no que toca às ajudas financeiras.

O Fundo Monetário Internacional, que participou nos dois primeiros programas, acabou por recusar o terceiro, manifestando dúvidas sobre a sustentabilidade da dívida pública grega, que está atualmente nos 180% do Produto Interno Bruto.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
EDP_ENGIE2

EDP e Engie investem até 50 mil milhões para serem líderes em eólicas no mar

EDP_ENGIE2

EDP e Engie investem até 50 mil milhões para serem líderes em eólicas no mar

Da esquerda para a direita: Ricardo Mourinho Félix, secretário de Estado das Finanças, Angel Gurría, secretário-geral da OCDE, e Pedro Siza Vieira, ministro da Economia. Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens

OCDE. Dinamismo das exportações nacionais tem o pior registo da década

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Alemanha trava tranche de 15 mil milhões à Grécia