Lagarde volta a avisar contra criptomoedas

Numa entrevista a uma televisão holandesa, a presidente do Banco Central Europeu mostrou-se preocupada com as pessoas que "não percebem os riscos" do investimento em criptoativos.

Dinheiro Vivo
Christine Lagarde, presidente do Banco Central Europeu. © EPA

A presidente do Banco Central Europeu (BCE) afirmou que as criptomoedas "não valem nada, baseiam-se em nada, não há nenhum ativo subjacente que sirva de âncora de segurança" e devem ser reguladas para evitar a especulação e que as pessoas invistam nelas as poupanças de uma vida. Christine Lagarde falava a uma televisão dos Países Baixos e, segundo noticiou ontem a agência Bloomberg, a responsável do BCE mostrou preocupação em relação às pessoas "que não percebem os riscos, que vão perder tudo e ficar terrivelmente desapontadas, e é por isso que acredito que devem ser reguladas".

As declarações de Lagarde surgem depois de moedas como a Bitcoin ou a Ether terem perdido metade do seu valor desde o pico atingido no ano passado, segundo a Bloomberg.

Lagarde adiantou ainda que o BCE vai lançar uma moeda digital nos quatro próximos anos. "O dia em que tivermos a moeda digital do banco central, um euro digital, garanto que o banco central estará por trás dela e penso que será muito diferente", adiantou, citada pela Bloomberg.

A presidente do BCE disse que não tem pessoalmente criptoativos, porque quer "praticar o que prego". Mas adiantou que um do seus filhos investiu nelas contra o seu conselho.

Mais Notícias

Veja Também

Outros Conteúdos GMG