Solidariedade

Banco Alimentar contra a Fome recolhe 1.605 toneladas de alimentos

( Igor Martins / Global Imagens )
( Igor Martins / Global Imagens )

Este ano a campanha ficou marcada pela introdução de sacos reutilizáveis.

O Banco Alimentar contra a Fome recolheu 1.605 toneladas de alimentos durante o fim de semana da campanha nacional que decorreu em mais de duas mil superfícies comerciais, anunciou hoje a presidente do Banco Alimentar contra a Fome, Isabel Jonet.

Os Bancos Alimentares contra a Fome realizaram, no sábado e no domingo, mais uma Campanha de Recolha de Alimentos, representando “um valor próximo do obtido na campanha homóloga do ano passado, num fim de semana marcado pela coincidência com diversas actividades, como a final da taça de futebol e as eleições europeias e no qual o bom tempo convidava a uma ida à praia”, confirmando assim a solidariedade dos portugueses”, apontou em comunicado, enviado à Lusa, o Banco Alimentar.

Este ano a campanha ficou marcada pela introdução de sacos reutilizáveis, “o que permitiu uma significativa redução dos sacos utilizados, seja de plástico, seja de papel, e assim dos impactos ambientais”, pode ler-se na mesma nota.

“Sabemos que, apesar da melhoria das condições económicas, muitos dos nossos concidadãos continuam a enfrentar grandes dificuldades e significativas restrições alimentares e é por isso gratificante constatar que os portugueses têm uma perceção dessa realidade, procurando sempre, na medida das suas possibilidades, contribuir para a minorar” afirmou Isabel Jonet.

“A decisão da administração da Sonae que, no âmbito da Missão Continente, anunciou o reforço das doações dos seus clientes com o equivalente a 5% de todos os produtos doados nas suas lojas”, permitirá “incluir nos cabazes distribuídos um maior número de bens básicos”, sublinhou a presidente.

A campanha voltou ainda a disponibilizar Vales que estão disponíveis até 02 de junho, nas caixas dos supermercados e nos postos de abastecimento de combustível aderentes à campanha. Cada vale tem um código de barras específico associado aos produtos que cada pessoa queira doar ao Banco Alimentar.

Adicionalmente, e dando ainda a oportunidade a todos aqueles que não têm a oportunidade de se deslocarem a um ponto de recolha, nomeadamente os que se encontram ou residem fora de Portugal, o Banco Alimentar disponibiliza ainda o portal de doação online: www.alimentestaideia.pt.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Alberto Souto de Miranda
(Gerardo Santos / Global Imagens)

Governo. “Participar no capital” dos CTT é via “em aberto”

Congresso APDC

“Temos um responsável da regulação que não regula”

Congresso APDC

Governo. Banda larga deve fazer parte do serviço universal

Outros conteúdos GMG
Banco Alimentar contra a Fome recolhe 1.605 toneladas de alimentos