Brent ultrapassa 110 dólares e ouro atinge máximos de duas semanas

Petróleo está a valorizar
Petróleo está a valorizar

As matérias-primas estão hoje a valorizar nos mercados internacionais. Ao contrário das bolsas, o petróleo está a somar ganhos, tal como o ouro, que está a brilhar e avança para o valor mais elevado em duas semanas.

No caso do ouro negro, a valorização deve-se ao facto de o Departamento de Energia norte-americano ter anunciado esta quarta-feira – tal como acontece todas as semanas – que as reservas petrolíferas recuaram pela segunda semana consecutiva, neste caso em 2,6 milhões de barris.

Deste modo, o crude negociado em Nova Iorque segue a valorizar para os 104,91 dólares o barril, tal como o Brent – petróleo de referência para as importações nacionais – que avança para os 110,73 dólares o barril.

“Nesta altura do ano é normal quebras das reservas de petróleo e aumento dos inventários de gasolina. E, obviamente, que a OPEP gosta dos preços a estes níveis”, afirmou Jonathan Barratt, diretor de investimentos da Ayers Alliance Securities em declarações à Bloomberg.

No caso do ouro, o metal precioso está a negociar no valor mais elevado em duas semanas, com os investidores à procura de investimentos alternativos face à desvalorização do mercado acionista.

Assim, o ouro segue a subir para os 1.260,83 dólares a onça troy, depois de já ter tocado nos 1.265,32 dólares a onça troy, o nível mais levado desde o passado dia 28 de maio.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Ilustração: Vítor Higgs

Indústria têxtil em força na principal feira de Saúde na Alemanha

O Ministro das Finanças, João Leão. EPA/MANUEL DE ALMEIDA

Nova dívida da pandemia custa metade da média em 2019

spacex-lanca-com-sucesso-e-pela-primeira-vez-a-nave-crew-dragon-para-a-nasa

SpaceX lança 57 satélites para criar rede mundial de Internet de alta velocidade

Brent ultrapassa 110 dólares e ouro atinge máximos de duas semanas