Brexit

Brexit. Madeira preocupada com efeitos ao nível dos emigrantes e do turismo

Miguel Albuquerque, presidente do Governo Regional da Madeira. (Fotografia: Lusa)
Miguel Albuquerque, presidente do Governo Regional da Madeira. (Fotografia: Lusa)

Chefe do governo madeirense considera que Brexit é um "processo suicidário".

O presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, manifestou-se esta quarta-feira preocupado com os efeitos do Brexit na vida da comunidade madeirense residente no Reino Unido e no turismo na região autónoma.

“Temos de pensar que temos uma grande comunidade no Reino Unido e temos de pensar no fluxo de turismo para a Madeira e para o Algarve, que são os dois principais destinos nacionais do turismo inglês”, advertiu.

O chefe do governo madeirense considerou também que o Brexit é um “processo suicidário”, sublinhando que a saída do Reino Unido da União Europeia será “catastrófica”, sobretudo para o próprio Reino Unido. “O que se está a discutir neste momento já nem sequer é a saída, mas uma questão de poder. Há disputas de poder entre as diversas forças do Partido Conservador e do Partido Trabalhista”, afirmou, no decurso de uma visita a Câmara de Lobos, na zona oeste da Madeira.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (Fotografia: José Coelho/ Lusa)

Marcelo promulga alterações à lei laboral

Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (Fotografia: José Coelho/ Lusa)

Marcelo promulga alterações à lei laboral

. MÁRIO CRUZ/LUSA

Bases para negociação “ainda longe do necessário”, avisa sindicato

Outros conteúdos GMG
Brexit. Madeira preocupada com efeitos ao nível dos emigrantes e do turismo