Agricultura

CAP apresenta plataforma eletrónica para consulta de preços dos hortofrutícolas

frutas legumes compras supermercado

A Confederação dos Agricultores de Portugal apresentou uma plataforma eletrónica que permite consultar os preços de frutas e hortícolas.

A Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) apresentou hoje, na Feira Nacional da Agricultura, em Santarém, uma plataforma eletrónica que permite consultar os preços de mais de uma centena de frutas e hortícolas provenientes de 11 mercados europeus.

Luís Mira, secretário-geral da CAP, disse à Lusa que a plataforma – acessível em agrimarkets.cap.pt – é “importante para quem vai fazer um negócio de venda ter uma referência do preço que está ser praticado” e também para analisar as tendências ao tomar uma decisão para um futuro investimento.

Sublinhando que a plataforma é “de fácil acesso” e “muito intuitiva”, e para já gratuita, Luís Mira afirmou que ela vem preencher uma lacuna, sendo “muito importante” para os que estão no mercado hortofrutícola.

“Na sua consulta é possível fazer gráficos, automaticamente, sobre a evolução do preço, as variações, e a comparação entre os vários mercados europeus que estão na plataforma” — espanhol, francês, alemão e, dentro de cada país, várias regiões –, permitindo “perceber quais são as variações que se estão a verificar”, afirmou.

A apresentação da plataforma antecedeu a realização de um jantar de homenagem ao anterior presidente da CAP, João Machado.

A 54.ª Feira Nacional da Agricultura/64.ª Feira do Ribatejo tem agendados cerca de 30 seminários e colóquios técnicos, denominados “Conversas de Agricultura”, iniciativa que na edição de 2016 envolveu mais de 6.000 pessoas.

Esperando mais de 200 mil visitantes e 40 mil profissionais ao longo dos nove dias do certame, a Feira de Santarém, organizada pelo Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas (CNEMA), tem este ano por tema os cereais.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: Miguel A. Lopes/Lusa

Eduardo Cabrita será o novo ministro da Administração Interna

costa

Costa: “se quer ouvir-me pedir desculpas, eu peço desculpas”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. (Fotografia: RODRIGO ANTUNES/LUSA)

Marcelo pede ao Parlamento que clarifique se quer manter Governo em funções

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
CAP apresenta plataforma eletrónica para consulta de preços dos hortofrutícolas