Concreto, Cristina Barros, Luís Buchinho e Lemar presentes nas feiras Who"s Next e Interfilière

A Who's Next decorre em Paris de 3 a 6 de setembro, enquanto a Interfilière tem lugar, na mesma cidade, entre os dias 3 e 5

Quatro empresas de moda e de vestuário portuguesas vão participar em "formato físico" em setembro nas feiras de moda de Paris, Who"s Next e Interfilière, anunciou a Associação Selectiva Moda (ASS).

A primeira feira realiza-se entre 03 e 06 de setembro e a segunda tem lugar de 03 a 05 de setembro, indica a Associação Selectiva Moda em comunicado.

Trata-se do "tão aguardado regresso" ao formato presencial das feiras de moda de Paris que, embora num "tamanho reduzido", decorrendo em simultâneo, levam de regresso à Porte de Versailles algumas das "mais referenciadas" marcas de moda de vestuário, 'activewear', 'lingerie' e 'beachwear'.

Portugal é um dos países a apresentar o "melhor das coleções de ​​​​​​​Verão 22", com a Concreto, Cristina Barros, Luís Buchinho e a Lemar, lê-se na nota divulgada.

Com um histórico de quinze participações na Who"s Next, feira de vestuário de moda, a empresa Luís Buchinho acredita que esta edição será "uma boa altura para reestabelecer as relações comerciais em pausa desde o início da pandemia".

A perspetiva é partilhada por Carla Reis, International Sales Agente da marca, que dá ainda nota do conjunto de reuniões já agendadas com clientes habituais e com potenciais novos compradores. Entre esses agendamentos nota para a importância dos mercados americanos e asiáticos que, explica a International Sales Agente da Luís Buchinho, "apostam na diferença com qualidade e prestigio, e que compram com mais segurança, fruto do seu poder de compra", remata.

Quem também se sente "em casa" na Who"s Next é a Concreto que, a participar na feira parisiense há uma década, fará esta edição uma aposta ligeiramente diferente no que toca aos produtos apresentados. "Vamos para [secção] de Trendy e não para o Ready to Wear, o que já por si é uma grande novidade. A própria feira reconheceu que a aposta na jovialidade foi bem conseguida.", considera Teresa Marques Pereira, CEO da marca feminina. Quanto à execução de negócios nesta edição da Who"s Next, Teresa prefere "medir as expectativas destes regressos para que não saiam demasiado altas e depois defraudam a realidade", lembrando que este é um momento interessante para avaliar quais os mercados que se deslocarão a Paris.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de