Confiança dos consumidores portugueses volta a aumentar em outubro

Mesmo assim, ainda está abaixo dos níveis pré-pandemia, indicam os dados divulgados pelo INE. O indicador de clima económico também aumentou, mas de forma mais moderada.

Os portugueses voltaram a ficar mais confiantes no mês de outubro, revela o indicador do Instituto Nacional de Estatística divulgado nesta quinta-feira.

"Em outubro, o indicador de confiança dos consumidores aumentou, retomando o perfil de recuperação iniciado em julho", lê-se no destaque publicado pelo INE, "mas situando-se ainda significativamente abaixo dos níveis pré-pandemia", aponta o gabinete de estatística.

Ao que tudo indica, os portugueses estão mais otimistas para o futuro. "O aumento do indicador de confiança dos consumidores em outubro resultou do contributo positivo de todas as componentes, perspetivas sobre a evolução futura da situação económica do país, da situação financeira do agregado familiar e da realização de compras importantes e opiniões sobre a evolução passada da situação financeira do agregado familiar", detalha o INE.

Clima económico recupera

Também o indicador de clima económico continua a recuperar, mas abrandou o ritmo. "O indicador de clima económico continuou a aumentar, de forma mais moderada nos últimos dois meses", indica o INE.

No mês de outubro, "os indicadores de confiança aumentaram na construção e obras públicas, no comércio e nos serviços, tendo estabilizado na indústria transformadora", detalha o gabinete de estatística.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de