Internet grátis

Conselho da UE aprova programa de internet grátis em locais públicos

Wi-fi gratuito (DR)
Wi-fi gratuito (DR)

Os Estados-membros da UE deram o aval final ao programa WiFi4EU, de instalação de pontos de acesso gratuito à internet sem fios em locais públicos

Os Estados-membros da União Europeia (UE) deram esta segunda-feira o aval final ao programa WiFi4EU, de instalação de pontos de acesso gratuito à internet sem fios em câmaras municipais, bibliotecas e parques e outros locais públicos.

Através de um portal WiFi4EU multilingue facilmente reconhecível, os utilizadores disporão de uma conexão gratuita, segura e de alta velocidade à internet em pelo menos 6.000 comunidades locais em toda a UE até 2020.

No âmbito do programa, que foi hoje adotado pelo Conselho da UE, os municípios, as bibliotecas, os hospitais e outras entidades públicas poderão candidatar-se a financiamento para a instalação de novos pontos de acesso sem fios onde não haja nenhuma conexão semelhante, pública ou privada, à internet que seria duplicada pelo novo ponto de acesso.

A entidade pública deverá comprometer-se a manter a nova conexão durante pelo menos três anos.

O financiamento total da UE para o programa poderá chegar aos 120 milhões de euros até 2019.

A candidatura será feita via uma plataforma em linha específica – e em data a anunciar – gerida pela Comissão Europeia e o apoio da UE cobrirá até 100% dos custos elegíveis.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O sismo da Terceira de 1980
(Arquivo DN)

Risco de sismo é real. Seguradores querem fundo prioritário no próximo governo

O sismo da Terceira de 1980
(Arquivo DN)

Risco de sismo é real. Seguradores querem fundo prioritário no próximo governo

João Galamba, Secretário de Estado da Energia 
(PAULO SPRANGER/Global Imagens)

João Galamba: “Há diferença entre encontrar rendas excessivas e cortá-las”

Outros conteúdos GMG
Conselho da UE aprova programa de internet grátis em locais públicos