Eurostat

Construção: Portugal com 3.º maior recuo mensal na zona euro

Foto: DR
Foto: DR

A produção no setor em Portugal caiu 1,5% em novembro face ao mês anterior

A produção no setor da construção recuou, em novembro último face a outubro, 0,1% na zona euro, mas aumentou 0,2% na União Europeia (UE), com Portugal a registar a terceira maior quebra (-1,5%), segundo o Eurostat.

Na comparação homóloga, a produção no setor da construção aumentou 0,9% na zona euro e 1,8% na UE, em novembro.

Segundo o gabinete estatístico da UE, Portugal registou a terceira maior quebra mensal na produção no setor da construção (-1,5%), depois da República checa (-3,6%) e da Alemanha (-1,7%).

Os principais avanços observaram-se na Hungria, Eslovénia (4,4% cada) e França (1,5%).

Face a novembro de 2017, as maiores subidas no indicador foram registadas na Hungria (27,3%), Eslovénia (18,9%) e Polónia (16,0%) e os maiores recuos na Roménia (-4,8%), Suécia (-2,6%) e Alemanha (-1,9%).

Em Portugal, a produção no setor da construção cresceu 3,0% na comparação homóloga.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ministro das Finanças, Mário Centeno, intervém durante a  conferência "Para onde vai a Europa?", na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, 22 de março de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

Próximo governo vai carregar mais 8 mil milhões em dívida face ao previsto

O ministro das Finanças, Mário Centeno, intervém durante a  conferência "Para onde vai a Europa?", na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, 22 de março de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

Próximo governo vai carregar mais 8 mil milhões em dívida face ao previsto

Motoristas de matérias perigosas em greve concentrados na Companhia Logística de Combustiveis - CLC.
Fotografia: Paulo Spranger / Global Imagens

Combustíveis. Sindicato conseguiu mais 200 sócios com greve

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Construção: Portugal com 3.º maior recuo mensal na zona euro