Consumo. Nem as promoções estão a incentivar as compras

O consumo interno tem aumentado. Foto: D.R.
O consumo interno tem aumentado. Foto: D.R.

Nem as promoções estão a conseguir impulsionar as compras dos produtos de grande consumo. No primeiro trimestre, as promoções subiram 28%, mas o volume de compras nos lares portugueses recuou 2,1%, segundo os dados mais recentes da Kantar Worldpanel.

Os dados da Kantar dão ainda conta do impacto da quebra de consumo nas marcas de distribuição (MDD), também conhecidas como marcas brancas.”Apesar de este ano surgirem maior número de atos de compra com promoções nesse tipo de oferta, isso não evitou uma quebra no volume das MDD em 4,4%”, diz a Kantar. Uma descida que é mais do dobro do verificado no mercado global de produtos de grande consumo.

Leia ainda: Pingo Doce e Continente voltam às promoções no 1.º Maio. Sindicato apela à greve

“As promoções só parecem estar a ter um efeito positivo no crescimento do volume comprado de marcas de fabricante, que crescem 3,2% nestes primeiros meses do ano”, continua a Kantar.

Nem a melhoria dos índices de confiança do consumidor tem afetado positiva as compras de outros bens não duráveis, como roupa, que cai 3% face a igual período do ano passado.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: José Carmo/Global Imagens

Sem acordo pós-brexit, Portugal pode exportar menos cerca de 300 milhões

marcelo

Marcelo admite possível “problema europeu” mas sem fecho de fronteiras

Foto: D.R.

PSI20 cai 2,28%. Perdas na Europa continuam devido ao coronavírus

Consumo. Nem as promoções estão a incentivar as compras