Eurostat

Conta de operações correntes da zona euro com excedente de 79,9 mil milhões

(Foto: Reuters)
(Foto: Reuters)

Também o saldo da conta de bens aumentou na variação trimestral de 60,7 mil milhões de euros para 69,9 mil milhões de euros.

A conta de operações correntes da balança de pagamentos de serviços da zona euro registou um excedente de 79,9 mil milhões de euros, 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB), no quatro trimestre de 2018, divulga o Eurostat.

Segundo o gabinete estatístico da União Europeia (UE), o excedente de 79,9 mil milhões de euros no saldo de operações correntes ficou abaixo do contabilizado no quarto trimestre de 2017 (100,2 mil milhões, 3,5% do PIB), mas acima do terceiro trimestre de 2018 (68,7 mil milhões de euros, 2,4% do PIB).

Também o saldo da conta de bens aumentou na variação trimestral de 60,7 mil milhões de euros para 69,9 mil milhões de euros, valor que representa um recuo quando comparado com o excedente do período homólogo (84,7 mil milhões).

Já o excedente da conta de serviços (24,9 mil milhões de euros) ficou, no quarto trimestre de 2018, abaixo do homólogo (31,9 mil milhões de euros) e do do terceiro trimestre (25,5 mil milhões de euros).

A conta de rendimentos primários viu o seu excedente crescer para os 30,3 mil milhões de euros, face aos 15,9 mil milhões de euros do período homólogo e aos 22,7 mil milhões do terceiro trimestre de 2018.

O défice da conta de rendimentos secundários, por seu lado, agravou-se para os 45,1 mil milhões de euros, face aos 32,2 mil milhões homólogos e aos 40,2 mil milhões registados entre julho e setembro de 2018.

Na UE, a conta de operações correntes da balança de pagamentos registou um excedente de 38,6 mil milhões de euros (1,0% do PIB) no quatro trimestre de 2018, abaixo do de 57,2 mil milhões de euro (1,5% do PIB) homólogos mas acima do de 36,2 mil milhões (0,9% do PIB) do terceiro trimestre de 2018.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Centeno, ministro das Finanças e presidente do Eurogrupo. Fotografia: EPA/STEPHANIE LECOCQ

Peso da despesa com funcionários volta a cair para mínimos em 2020

26/10/2019 ( Nuno Pinto Fernandes/ Global Imagens )

Conselho de Ministros aprovou Orçamento do Estado

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República portuguesa. Foto: REUTERS/Benoit Tessier

OE2020: PR avisa que é preciso “ir mais longe” em matérias como a saúde

Outros conteúdos GMG
Conta de operações correntes da zona euro com excedente de 79,9 mil milhões