Iniciativa

Continente desafiou escolas a refletir sobre o plástico

Foto: D.R.
Foto: D.R.

Iniciativa visa sensibilizar sobre temas como a alimentação saudável, o desperdício alimentar e o uso de plástico. Participaram 276 escolas.

Plástico, alimentação saudável e desperdício alimentar. Estes foram os temas que a Escola Missão Continente levou aos alunos do 1.º ciclo de norte a sul do país, desafiando-os a refletir sobre os seus comportamentos e hábitos de consumo.

Esta edição contou com a participação de 276 escolas, 1.350 professores e cerca de 24 mil alunos de todos os distritos de Portugal Continental, Madeira e Açores.

Promovido pela Missão Continente, o projeto, que decorreu durante o ano letivo, aposta em atividades didáticas, distribuição de materiais lúdicos, visitas de estudo e desafios para incentivar crianças e professores a pensar sobre a temática.

Houve espaço ainda para dois desafios, o Desafio Turma e o Desafio Escola, onde alunos e professores puderam colocar em prática os conhecimentos adquiridos, com imaginação e criatividade.

O encerramento desta que foi a 3ª edição do programa contou com a presença de 200 alunos do 1.º ciclo das escolas premiadas: Instituto do Juncal, Leiria (Escola Vencedora), e Escola Básica Abadias, Coimbra – Figueira da Foz (Escola Convidada Menção Honrosa).

“Acreditamos na grande importância destas iniciativas não só numa perspetiva de futuro – junto das crianças que daqui a alguns anos serão responsáveis pelos seus próprios comportamentos e hábitos de consumo – como numa perspetiva de presente, dada a reconhecida capacidade de influência dos mais pequenos junto dos seus pais e restante núcleo familiar para a adoção de comportamentos mais sustentáveis”, salientou Tiago Simões, diretor de marketing da Sonae MC, durante a cerimónia.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(João Silva/ Global Imagens)

Há quase mais 50 mil imóveis de luxo a pagar AIMI

(João Silva/ Global Imagens)

Há quase mais 50 mil imóveis de luxo a pagar AIMI

Angela Merkel e Donald Trump. Fotografia: REUTERS/Kevin Lamarque

FMI corta crescimento da Alemanha, mas Espanha ainda compensa

Outros conteúdos GMG
Continente desafiou escolas a refletir sobre o plástico