Coronavírus

Covid-19. Casos sobem para 32500, mortes chegam às 1410

Lisboa, 29/4/2020 -  A enfermeira Vânia faz uma recolha de sangue a  uma colega enfermeira no centro de testes ao Covid-19, da Fundação Champalimaud, a funcionar no Centro de exposições. A fundação que foca a sua investigação em neurociências e no cancro, está a  fazer testes serológicos no âmbito da pandemia que permitem testar a imunidade ao SARS-CoV-2, o coronavírus que provoca a doença Covid-19.
(Reinaldo Rodrigues
Lisboa, 29/4/2020 - A enfermeira Vânia faz uma recolha de sangue a uma colega enfermeira no centro de testes ao Covid-19, da Fundação Champalimaud, a funcionar no Centro de exposições. A fundação que foca a sua investigação em neurociências e no cancro, está a fazer testes serológicos no âmbito da pandemia que permitem testar a imunidade ao SARS-CoV-2, o coronavírus que provoca a doença Covid-19. (Reinaldo Rodrigues

O número de casos positivos de covid-19 chegou este domingo aos 32500. Já houve 1410 mortes provocadas pelo coronavírus. Há ainda 19409 casos já dados como recuperados, uma subida de 223 pessoas.

O aumento de casos este domingo é de 297 (aumento de 0,92%), com mais 14 mortes registadas em 24 horas, um aumento de 1,2%, sendo que pela primeira vez é registada a morte de uma mulher com menos de 30 anos.

Dos novos casos, a região de Lisboa e Vale do Tejo continua a ser a que mais preocupa: 90% dos casos são nesta região. Ou seja, apenas 29 dos novos casos são fora de Lisboa e Vale do Tejo. Loures, Odivelas, Amadora e Sintra continuam a ser os concelhos que mais preocupam as autoridades e vai ser nestes que vai incidir a maioria dos 7 mil testes diários que serão feitos na região. A ministra da Saúde Marta Temido afirmou este domingo ter a convicção de que será possível “reduzir o número de contágios nos próximos dias”.

A região Norte tem 16760 casos registados e 784 mortes; o Centro conta com 3744 casos e 238 mortes; Lisboa e Vale do Tejo chega agora aos 11142 casos e 357 mortes; o Alentejo tem 259 casos e uma morte; o Algarve rem 370 casos e 15 mortes registadas este ano. Nas regiões autónomas, os Açores registam 135 casos e 15 mortes provocadas pelo coronavírus; a Madeira tem 90 casos registados.

Os dados do Boletim divulgado este domingo apontam ainda para uma diminuição das pessoas internadas, menos 40, mas mais um internamento nos cuidados intensivos: são agora 64.

Segundo os dados da Direção-Geral da Saúde, 717 vítimas mortais são mulheres e 693 são homens. Das mortes registadas, 948 tinham mais de 80 anos, 274 tinham entre os 70 e os 79 anos, 125 tinham entre os 60 e 69 anos, 45 entre 50 e 59, 15 entre os 40 e os 49. Subiu para dois os mortos entre os 20 e os 29 anos. Há ainda um outro óbito na faixa etária entre os 30 e os 39 anos.

Boletim covid 19 domingo

Covid-19: 10% das famílias com crédito está em incumprimento

Há quatro meses consecutivos que se regista uma subida da percentagem de famílias devedoras em situação de incumprimento.

O Banco de Portugal divulgou esta sexta-feira indicadores que apontam que 10% dos particulares com empréstimos não conseguiam pagar as suas prestações no mês de abril, a percentagem mais elevada desde maio de 2018.

Turismo praticamente paralisado em abril

Já era esperado e os dados da estimativa rápida do INE comprovam: a atividade turística esteve praticamente parada no mês de abril em Portugal.

O Estado de Emergência, devido à pandemia do novo coronavírus, foi implementado pela primeira vez a 19 de março e o mês seguinte, abril, foi todo passado em Estado de Emergência, estando assim em vigor várias restrições. Durante o período da Páscoa e no fim do mês foram aplicadas medidas ainda mais restritivas, como a proibição de sair do concelho de residência. Não é por isso de estranhar que, perante tantas restrições que Portugal e outros países aplicaram, a atividade turística tenha se ressentido fortemente. Os dados do Instituto Nacional de Estatística vêm confirmar esse retrato.

Os sintomas do novo coronavírus:

Coronavírus - sintomas

LEIA AQUI TODA A COBERTURA SOBRE O NOVO CORONAVÍRUS

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
7. Aeroporto de Londres Heathrow

Oficial. Portugal fora do corredor turístico do Reino Unido

O primeiro-ministro, António Costa (E), ladeado pelo ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira (D), durante o debate parlamentar que antecede a votação do texto final apresentado pela Comissão de Orçamento e Finanças que aprova o Orçamento Suplementar para 2020, na Assembleia da República, em Lisboa, 03 de julho de 2020. O parlamento deverá aprovar hoje, em votação final global, a proposta de orçamento suplementar, que se destina a responder às consequências económicas e sociais provocadas pela pandemia de covid-19. MIGUEL A. LOPES/LUSA

Aprovado o Orçamento Suplementar apenas com o voto a favor do PS

A deputada do CDS-PP Cecília Meireles durante o debate na especialidade da proposta de Orçamento do Estado para 2020 . (MIGUEL A. LOPES/LUSA)

Deputados mantêm suspensão da devolução de manuais escolares

Covid-19. Casos sobem para 32500, mortes chegam às 1410