Congresso CDS-PP

Cristas despede-se em 13 minutos e prefere que seja o tempo a julgá-la

Lisboa, 6/10/2019 - Reportagem ap—s terminar o ato eleitoral de hoje, na sede de campanha do CDS Partido Popular (CDS-PP). As elei›es legislativas de 2019 levaram milh›es de eleitores recenseados no territ—rio nacional e no estrangeiro ˆs urnas para escolher a constitui‹o da Assembleia da Repœblica na pr—xima legislatura e de onde sairá o novo Governo. Assun‹o Cristas reage aos resultados conhecidos.

(Sara Matos / Global Imagens
Lisboa, 6/10/2019 - Reportagem ap—s terminar o ato eleitoral de hoje, na sede de campanha do CDS Partido Popular (CDS-PP). As elei›es legislativas de 2019 levaram milh›es de eleitores recenseados no territ—rio nacional e no estrangeiro ˆs urnas para escolher a constitui‹o da Assembleia da Repœblica na pr—xima legislatura e de onde sairá o novo Governo. Assun‹o Cristas reage aos resultados conhecidos. (Sara Matos / Global Imagens

Assunção Cristas usou 13 minutos para fazer o discurso de despedida da presidência do CDS, em que admitiu ter falhado, mas não partilhou qual a sua análise pessoal para “dissecar” os erros da sua liderança.

“O tempo encarregar-se-á dessa análise detalhada”, afirmou Assunção Cristas, aplaudida no início e no fim da intervenção, na abertura do 28.º congresso nacional do partido, no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro.

“Cumpri o caminho traçado e a estratégia proposta, mas cumpre-me hoje reconhecer uma evidência: falhei o resultado”, afirmou.

Assunção Cristas ouviu o que foi dito desde as legislativas de outubro e que “uns dirão que a estratégia estava errada, outros que se cometeram erros táticos ou de comunicação ou que falhámos na avaliação das circunstâncias”.

“Ouvi muitas análises e, naturalmente, tenho a minha própria. Não julgo útil, nem este seria este o momento apropriado para dissecar os erros desse roteiro. O tempo encarregar-se-á dessa análise detalhada”, disse.

Logo após o discurso, Cristas deixou o pavilhão, minutos antes de os congressistas começarem a discutir as moções de estratégia global.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Mário Centeno

Centeno volta a cativar mais dinheiro

Natalidade. Fotografia: Pedro Granadeiro / Global Imagens

Despesa com apoios à família é a quinta mais baixa da UE

Greve dos estivadores do Porto de Setúbal.

Estivadores de Setúbal anunciam greves parciais mas poupam Autoeuropa

Cristas despede-se em 13 minutos e prefere que seja o tempo a julgá-la