Cartões

CTT vai distribuir entregas urgentes da Revolut em Portugal e Espanha

(Amin Chaar / Global Imagens)
(Amin Chaar / Global Imagens) Fotografia: D.R.

Contrato é assegurado pela CTT Expresso e a estimativa é de envio superior a 210 mil objetos por ano

Os CTT – Correios de Portugal anunciaram esta segunda-feira terem assinado um contrato com a Revolut, a fintech de maior crescimento na Europa, para a distribuição dos cartões da tecnológica do setor bancário. Os CTT, através empresa subsidiária CTT Expresso, estão encarregues do processo de distribuição dos cartões Revolut ao cliente, na Península Ibérica, com uma estimativa de envio superior a 210 mil objetos por ano.

“Este novo contrato com um grande cliente como a Revolut é mais uma prova da confiança que as empresas depositam nos CTT e a adaptabilidade da oferta da empresa, apropriada a clientes altamente exigentes e que confiam nos CTT para entregar aos clientes objetos tão importantes como os seus cartões bancários, trabalhando em proximidade com esta importante fintech”, refere João de Sousa, administrador dos CTT, em comunicado.

Já para a Revolut, este é “mais um passo de adaptação ao mercado nacional”, e refere-se aos pedidos de entregas urgentes para clientes em Portugal e Espanha. “Temos o objetivo de ser o primeiro banco verdadeiramente global, mas isso não significa que descuremos a proximidade aos nossos utilizadores e localização do produto. Esperamos continuar a garantir tempos de entrega mínimos por forma a que os nossos clientes utilizem, cada vez mais, os seus cartões Revolut numa base diária e consigam assim um maior controlo da sua vida financeira”, relevou Ricardo Macieira, Country Manager da Revolut Portugal.

O contrato com a Revolut prevê a utilização da oferta e-Segue, direcionada para empresas que expedem para clientes particulares, com “soluções dinâmicas e interativas” e várias opções de personalização, permitindo ao cliente definir, por exemplo, o dia, a hora e o local de entrega das encomendas. Permite, também, alterar os dados de envio durante o percurso da encomenda.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (E), conversa com o ministro de Estado e das Finanças, João Leão (D), durante o debate e votação da proposta do orçamento suplementar para 2020, na Assembleia da República, em Lisboa, 17 de junho de 2020. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Bruxelas agrava projeção de contração em Portugal para 9,8%

Comissão Europeia, Bruxelas (REUTERS)

Bruxelas revê estimativas. Economia da zona euro deverá recuar 8,7% em 2020

Mário Centeno


TIAGO PETINGA/LUSA

Centeno defende repensar das regras da dívida e do défice na UE

CTT vai distribuir entregas urgentes da Revolut em Portugal e Espanha