INE

Custos da construção da habitação nova aumentam 2,4% em novembro

Fotografia: D.R.
Fotografia: D.R.

Custo da mão-de-obra subiu 5,3% em novembro face ao mesmo mês do ano passado, revela hoje o INE.

Em novembro, estima-se que os custos de construção de habitação nova tenham aumentado 2,4%, mais 0,1 pontos percentuais (p.p.) que o observado no mês anterior. O preço dos materiais e o custo da mão de obra apresentaram, respetivamente, variações de 0,4% e de 5,3% face ao período homólogo, revela o Índice de Custos de Construção de Habitação Nova do Instituto Nacional de Estatística (INE), divulgado hoje.

Ainda em termos homólogos, em outubro o aumento tinha sido de 2,3%, com o preço dos materiais a subir 0,4%, e o custo da mão de obra a valorizar 5,1%, menos dois p.p. do que em novembro.

Em novembro, e face ao mês anterior, verificou-se um aumento geral de custos na construção de habitação nova de 1,1%, sendo que o preço dos materiais subiu 0,1% e a remuneração dos trabalhadores 2,6%. Em outubro, registou-se uma subida total dos fatores de produção de 0,1%, com o preços dos materiais a cair 0,1% e a mão de obra a ganhar mais 0,4%.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

1400 empresas já pediram para aderir ao novo lay-off, apoios só a 28 de abril

Antonoaldo Neves, presidente executivo da TAP. Fotografia: Adelino Meireles/Global Imagens

TAP também vai avançar com pedido de layoff

Veículos da GNR durante uma operação stop de sensibilização para o cumprimento do dever geral de isolamento, na Autoestrada A1 nas portagens dos Carvalhos/Grijó no sentido Sul/Norte, Vila Nova de Gaia, 29 de março de 2020. MANUEL FERNANDO ARAÚJO/LUSA

Mais de 80 detidos e 1565 estabelecimentos fechados

Custos da construção da habitação nova aumentam 2,4% em novembro