Brexit

David Cameron adverte para riscos de saída da UE

David Cameron adverte para riscos de saída da UE
REUTERS/Toby Melville
David Cameron adverte para riscos de saída da UE REUTERS/Toby Melville

Primeiro-ministro britânico advertiu que 'sim' à saída do país vai prejudicar a economia, representando um "enorme risco" para famílias e empregos

O primeiro-ministro britânico advertiu hoje que o “Sim” à saída do país da UE, no referendo que se realiza em menos de 48 horas, vai prejudicar a economia, representando um “enorme risco” para famílias e empregos.

“Acima de tudo é sobre a nossa economia”, disse David Cameron, junto à entrada da residência oficial do primeiro-ministro em Downing Street, em Londres.

“Será mais forte se ficarmos. Será mais fraco se sairmos. E é um enorme risco para o Reino Unido, para as famílias britânicas, para os empregos britânicos. E vai ser irreversível. Não podemos voltar atrás”, afirmou.

Na UE, os britânicos “têm o melhor dos dois mundos. Pensem nos sonhos e nas esperanças dos vossos filhos”, alertou Cameron numa declaração solene.

A menos de dois dias do referendo, a média das últimas seis sondagens efetuada pela página na Internet ‘WhatUKThinks’ dá um empate para os dois campos – o “Brexit”, a favor da saída, e o “Remain”, a favor da permanência -, neste escrutínio determinante para o futuro do Reino Unido na UE.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

Fotografia: REUTERS/Henry Nicholls - RC122C9DD810

Cartas de Boris Johnson causam surpresa e perplexidade em Bruxelas

Outros conteúdos GMG
David Cameron adverte para riscos de saída da UE