Discurso de Primeiro-Ministro interrompido por “Grândola Vila Morena”

Passos Coelho na Assembleia da República
Passos Coelho na Assembleia da República

Enquanto discursava no debate quinzenal da Assembleia da República, Passos Coelho foi interrompido por um grupo de pessoas que, nas galerias, entoaram a música Grândola Vila Morena, uma das canções mais emblemáticas do 25 de Abril.

As cerca de 30 pessoas terminaram a canção, interrompendo Passos Coelho, que em pé, assistiu ao momento de ‘revolução’ contra a política do Governo. O grupo foi depois levado a abandonar as galerias de onde assistia ao debate.

No final, Pedro Passos Coelho comentou que “das formas como os trabalhos deste plenário podem ser interrompidos, esta parece ser a de mais bom gosto”.

A oposição não esqueceu o momento e, João Semedo, líder do Bloco de Esquerda, felicitou o “ar fresco de abril”. Como afirmou “o cheirinho a 25 de abril de que bem precisamos”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(DR)

Crédito ao consumo dispara 15% em outubro

(Paulo Spranger/Global Imagem)

Indemnizações pagas pelo Fundo de Garantia Salarial não escapam ao IRS

CP tem de entregar contrato de serviço público com o Estado até 31 de dezembro. (Leonardo Negrão / Global Imagens)

CP: Adiamento de manutenção de comboios regionais vale demissão

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Discurso de Primeiro-Ministro interrompido por “Grândola Vila Morena”