Energia

EDP assina em Bruxelas novo Manifesto da Aliança Europeia para a Eletrificação

António Mexia, CEO da EDP
António Mexia, CEO da EDP

A EDP e a EDP Renováveis serão as únicas empresas portuguesas signatárias do documento.

A cidade de Bruxelas será esta quarta-feira o epicentro do debate sobre as alterações climáticas, a transição energética, e descarbonização e a eletrificação da energia, com a Eurelectric – a associação europeia das grandes empresas elétricas, entre as quais a portuguesa EDP – e os seus aliados da Aliança para a Eletrificação a organizarem o evento “Powering the Green Deal”.

Na histórica Biblioteca Solvay, muito perto do Parlamento Europeu e da Comissão Europeia, na capital belga, o dia ficará marcado pela assinatura de um novo Manifesto que tem como objetivo chamar a atenção dos líderes europeus, e em especial dos novos Comissários que recentemente tomaram posse, para o potencial da eletricidade para ajudar a cumprir os objetivos traçados para a descarbonização.

O evento contará com a presença de Ditte Juul-Jørgensen, responsável da Direção Geral de Energia da Comissão Europeia.

Com a assinatura deste novo documento, inúmeras e variadas indústrias, a par da sociedade civil, comprometem-se a apostar em soluções para uma economia europeia neutra em carbono.

A EDP e a EDP Renováveis serão as únicas empresas portuguesas signatárias do documento. Outras signatárias incluem empresas como a Iberdrola, Enel, Schneider Electric, Siemens Gamesa, Vattenfall, Verbund, Acciona, entre muitas outras.

O manifesto que será hoje assinado incluirá as perspetivas de indústrias diferentes mas interligadas (automóveis, construção, habitação, aquecimento, entre outras) e de representantes da sociedade civil (em nome da melhoria da qualidade do ar ou da redução da exposição a emissões tóxicas).

Da Aliança para a Eletrificação, criada em junho de 2017, faz parte a Eurelectric, a European Association for Electromobility (AVERE), European Association of Electrical Contractors (AIE), European Climate
Foundation (ECF), European Copper Institute, Eurelectric, European Heat Pump Association (EHPA), Smart Energy Europe (smartEn), SolarPower Europe e WindEurope.

A jornalista viajou para Bruxelas a convite da Eurelectric

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Utentes à saída de um cacilheiro da Transtejo/Soflusa proveniente de Lisboa, em Cacilhas, Almada. MÁRIO CRUZ/LUSA

Salário médio nas empresas em lay-off simplificado caiu 2%

Mealhada, 3/7/2020 -  O complexo Turístico Três Pinheiros, um espaço emblemático da Bairrada, apresentou um pedido de insolvência  na sequência das quebras provocadas pela pandemia de Covid-19.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Mais insolvências e menos novas empresas em julho

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho (D), ladeada pelo secretário de Esatdo dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro (E), intervém durante a interpelação do Partido Comunista Português (PCP) ao Governo sobre a "Proteção, direitos e salários dos trabalhadores, no atual contexto económico e social", na Assembleia da República, em Lisboa, 19 de junho de 2020. MÁRIO CRUZ/LUSA

Já abriu concurso para formação profissional de 600 mil com ou sem emprego

EDP assina em Bruxelas novo Manifesto da Aliança Europeia para a Eletrificação