Em Londres, também há manif

Feira decorre em Londres, a 10 de maio
Feira decorre em Londres, a 10 de maio

Londres também terá um protesto no sábado contra as medidas de austeridade anunciadas pelo governo português, em frente à embaixada portuguesa, organizado por um grupo de “lusos” instalados no Reino Unido.

Através da rede social Facebook foram convidadas mais de cinco mil pessoas, das quais 254 responderam até agora, embora algumas o tenham feito apenas para poderem reenviar o apelo.

Hoje serão também afixados cartazes em estabelecimentos comerciais portugueses em Stockwell e Vauxhall, adiantou Diana Cheney, uma das organizadoras do evento, à agência Lusa.

A manifestação, intitulada “Que se lixe a troika! Queremos as nossas vidas!”, está marcada para começar às 17:00 horas, à semelhança das outras previstas para mais de 20 cidades portuguesas e também no Brasil, em Berlim, Barcelona ou Paris.

A ideia surgiu espontaneamente, contou esta estudante de psicoterapia, a residir há nove anos no Reino Unido.

“Estava chateada por não estar em Portugal e pensei porque não fazer em Londres”, justificou Diana, de 38 anos, que afirma ter recuperado recentemente o interesse pela política nacional perdido nos últimos anos.

No final, há o objetivo de recolher assinaturas e entregar uma petição com reivindicações a um representante diplomático.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Uber

UberIceCream regressa mas com a Häagen-Dazs

Fotografia: Gerardo Santos

96% das declarações de IRS. 2,25 mil milhões reembolsados

casa2

Ikea. O que faz de uma casa a sua “alegre casinha”?

Microsoft anunciou compra da rede social LinkedIn por mais de 23 mil milhões de euros. Fotografia:. REUTERS/Lucy Nicholson

Microsoft despede mais 2 850 trabalhadores

Reed Hastings, cofundador e CEO da Netflix.  REUTERS/Steve Marcus

Netflix desvaloriza audiências e aumenta orçamento para programação original

Fotografia: REUTERS/ Tobias Schwarz

Regras mudam. Emprego científico vai ter novos estímulos

Conteúdo Patrocinado
Em Londres, também há manif