Emprego

Emprego na hotelaria e restauração gera mais de 323 mil postos em 2017

(Igor Martins / Global Imagens )
(Igor Martins / Global Imagens )

O número de trabalhadores em hotelaria, restauração e cafetaria, cresceu 16% em 2017 face ao ano anterior, avançou o vice-presidente da AHRESP.

O número de trabalhadores no canal Horeca – hotelaria, restauração e cafetaria cresceu 16% em 2017 face ao ano anterior, para mais de 323 mil postos, segundo revelou esta sexta-feira o vice-presidente da AHRESP.

“Em 2017, o canal Horeca registou mais de 323 mil postos de trabalho, mais 16% face a 2016”, disse Carlos Moura, em Lisboa, durante a cerimónia de tomada de posse dos órgãos sociais da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP).

De acordo com o responsável, no período em causa, os setores de alojamento, alimentação e bebidas assumiram uma “importante dimensão social”, com mais de um milhão de cidadãos a dependerem destas áreas, “o que representa 10% da população portuguesa”.

“Em 2017, o turismo representou 7,8% do PIB, gerando mais de 15 mil milhões de euros, mais 20% face a 2016”, apontou.

Durante a sua intervenção, Carlos Moura enalteceu ainda “a força e resiliência do setor” em épocas marcadas por recessões e o “espírito empreendedor e proativo” em épocas de maior progresso económico.

O vice-presidente da AHRESP disse ainda que a associação quer continuar a ser um “parceiro sustentável”, continuando, por isso, a apostar “na contratação coletiva”.

No entanto, alertou que é necessário combater os encargos que estão sobre as empresas, a economia paralela e a concorrência desleal.

“Os desafios continuam a ser muitos e transversais às diversas áreas do setor”, concluiu.

No triénio 2018-2021 a direção da AHRESP será dirigida por Mário Pereira Gonçalves da Versailles. Como vice-presidente tomou posse Carlos Moura do Instituto Técnico de Alimentação Humana (ITAU).

No período em causa, o setor da alimentação e restauração coletiva será liderado por Antero Jacinto, Eugénio Ribeiro ficará responsável pela área de casinos e bingos, Vítor Sá Marques vai representar as pastelarias, Sofia Mendonça os restaurantes de serviço rápido, Maria Fátima Portulez os concessionários de restauração, Alexandre Bastos o comércio alimentar, Fernando Faneco os estabelecimentos hoteleiros e Beatriz Santos ficará encarregue do setor do campismo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Trabalhos de descarga de contentores no Porto de Sines, 12 de fevereiro de 2020. TIAGO CANHOTO/LUSA

Exportações com quebra de 17% na primeira metade do ano

Isabel Camarinha, líder da CGTP, fala aos jornalistas após audiência com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, no Palácio de Belém, em Lisboa, 30 de julho de 2020. (MIGUEL A. LOPES/LUSA)

CGTP. Governo nega complemento a quem esteve em lay-off sem justificação

spacex-lanca-com-sucesso-e-pela-primeira-vez-a-nave-crew-dragon-para-a-nasa

SpaceX lança 57 satélites para criar rede mundial de Internet de alta velocidade

Emprego na hotelaria e restauração gera mais de 323 mil postos em 2017