Estado já gastou este ano 9 milhões com advogados

Nos primeiros seis meses deste ano o Estado gastou 9,1 milhões de euros em contratos de assessoria jurídica.

O Estado já gastou 9,1 milhões de euros nos primeiros seis meses deste ano em contratos de assessoria e consultadoria jurídica. Ao todo, foram contabilizados 308 contratos, número superior ao de todo o ano de 2017 (290 contratos no valor de 11,6 milhões), avança o Jornal de Negócios desta terça-feira, 3.

O grupo Águas de Portugal (AdP) gastou 304,4 mil euros em consultadoria jurídica entre janeiro e junho, sendo o organismo que mais dinheiro despendeu. Os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) ocupam o segundo lugar, com um montante gasto de 29411 mil euros e, em terceiro, estão as Infraestruturas de Portugal com 272,5 mil euros.

 

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de