Imobiliário

Estrangeiros investem quase 344 milhões em habitação em Lisboa

Fotografia: Fábio Poço/Global Imagens
Fotografia: Fábio Poço/Global Imagens

Dados da Confidencial Imobiliário mostram que o investimento estrangeiro em habitação em Lisboa ascendeu a 343,9 milhões até junho.

O investimento estrangeiro em habitação na Área de Reabilitação Urbana de Lisboa ascendeu a 343,9 milhões de euros um total de 759 operações, o que representa uma subida face ao período homólogo do ano passado, de acordo com os dados da Confidencial Imobiliário. O investimento internacional tem um “peso de 34% no total do investimento por particulares em habitação na Área de Reabilitação Urbana de Lisboa no primeiro semestre de 2019, o qual ascendeu a 1,02 mil milhões de euros”, de acordo com o comunicado.

“O investimento estrangeiro apurado para o primeiro semestre de 2019 apresenta um crescimento de 10% face aos 311,8 milhões de euros registados no primeiro semestre de 2018, embora observe um decréscimo de outros 10% face ao segundo semestre de 2018, quando foram transacionados 382,5 milhões de euros”.

Os principais protagonistas do investimento internacional pertencem a 70 nacionalidades, com destaque para França, China, Brasil, Estados Unidos e Reino Unido. Ricardo Guimarães, diretor da Confidencial imobiliário, em comunicado salienta que: “O investimento internacional em habitação continua muito robusto e dá continuidade à forte dinâmica do ano passado, quando se atingiu um patamar inédito de 694,3 milhões de euros”.

“Nos dois anos anteriores, tal atividade situou-se entre os 300 milhões e os €375 milhões anuais, ou seja, transacionando-se por ano praticamente o que se está a transacionar atualmente por semestre. Outro indicador do forte interesse dos estrangeiros por Lisboa é o aumento do ticket médio por operação, que passou de 393,2 mil euros (primeiro semestre 2018) para os atuais 453,0 mil euros, ficando 46% acima do ticket dos nacionais, que se manteve praticamente inalterado em torno dos 306 mil euros”

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Centeno, ministro das Finanças e presidente do Eurogrupo. Fotografia: EPA/STEPHANIE LECOCQ

Peso da despesa com funcionários volta a cair para mínimos em 2020

26/10/2019 ( Nuno Pinto Fernandes/ Global Imagens )

Conselho de Ministros aprovou Orçamento do Estado

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República portuguesa. Foto: REUTERS/Benoit Tessier

OE2020: PR avisa que é preciso “ir mais longe” em matérias como a saúde

Outros conteúdos GMG
Estrangeiros investem quase 344 milhões em habitação em Lisboa