Euribor

Euribor inalteradas a 3 e 12 meses e recuam a 6 e 9 meses

A Euribor a nove meses caiu 0,002 pontos para 0,375%

As taxas Euribor mantiveram-se hoje inalteradas a três e 12 meses, e recuaram nos prazos a seis e a nove meses, em relação à sessão de sexta-feira.

As taxas Euribor mantiveram-se hoje inalteradas a três e 12 meses, e recuaram nos prazos a seis e a nove meses, em relação à sessão de sexta-feira.

A Euribor a três meses, referencial para o crédito às empresas, que se mantém em valores negativos desde 21 de abril de 2015, manteve-se hoje inalterada nos -0,301%, face a sexta-feira.

No prazo a seis meses, a taxa a mais usada para o crédito à habitação, que entrou em terreno negativo pela primeira vez a 06 de novembro passado, recuou hoje 0,002 pontos para -0,195%, superando o mínimo de sempre de -0,193% registado a 29 de agosto.

A nove meses, a Euribor, que atingiu o mínimo de sempre de -0,130% em 11 de julho, recuou hoje 0,001 pontos para -0,123%, face a sexta-feira.

No prazo dos 12 meses, a Euribor, que desceu para valores abaixo de zero pela primeira vez em 05 de fevereiro passado, manteve-se hoje inalterada nos -0,052%, face à sessão anterior, depois de ter atingido o mínimo de sempre de -0,063%, pela primeira vez em 07 de julho.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O presidente do Conselho Geral e de Supervisão da ADSE, João Proença, durante a sua audição na Comissão de Saúde, na Assembleia da República, em Lisboa, 27 de fevereiro de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

ADSE já enviou novas tabelas de preços aos privados para negociação

Mario Draghi, Presidente do Banco Central Europeu. REUTERS/Kai Pfaffenbach

BCE discutiu pacote de medidas para estimular economia na reunião de julho

Hotéis de Lisboa esgotaram

“Grandes” eventos impulsionaram aumento dos preços na hotelaria em junho

Outros conteúdos GMG
Euribor inalteradas a 3 e 12 meses e recuam a 6 e 9 meses