Automóvel

Frota do Estado tem 73% de carros a gasóleo

Fotografia: D.R.
Fotografia: D.R.

Os dados constam do arque de Viaturas do Estado (PEV), elaborado pelo ministério das Finanças em dezembro 2017

Cerca de 73% dos carros da administração direta e indireta do Estado, incluindo gabinetes ministeriais, são a gasóleo, noticia o Público. Só existe um veículo a gás, 17 híbridos e 55 movidos a eletricidade.

Os dados constam do mais recente relatório do Parque de Viaturas do Estado (PEV), elaborado pelo ministério das Finanças em dezembro 2017. O documento revela ainda que a média das idades dos carros tem vindo a aumentar, em vez de haver renovação: de uma média de 12 anos em 2010, para 15,3 anos em 2017. Ambientalistas consultados pelo diário realçam o fato de o Governo não ter cumprido o despacho de 2014 que fixa as quotas de emissão de CO2 dos veículos a adquirir, com o Estado os veículos mais poluentes a representar 39% das compras ao longo de 2017, quando era permitido apenas 5%.

O ministério do Ambiente não comentou esta violação das metas estabelecidas durante o Governo de Passos Coelho.

Do total de 25.640 veículos, “mais de 90% são altamente poluentes”, aponta João Branco, presidente da Quercus, ao Público. “Não fiquei muito surpreendido. Já tinha essa noção. Mas na sequência desta polémica que se gerou acho que acho era boa altura para o Estado dar o exemplo e renovar a sua frota”, diz o responsável da Quercus.

Na passada semana, o ministro do Ambiente, Matos Fernandes, afirmou em entrevista ao Jornal de Negócios e à Antena 1 que os carros a gasóleo terão pouco ou nenhum valor comercial dentro de quatro anos, gerando forte polémica no sector, com a ACP a criticar a posição do ministro.

“Alarmistas, altamente preocupantes, reveladoras de uma enorme ignorância sobre a matéria e de um absoluto desrespeito pelos consumidores”, foi a reação de Carlos Barbosa, que lidera o ACP, às declarações do ministro do Ambiente e da Transição Energética.

O PEV não incorpora as novas aquisições feitas pelo Governo no âmbito do Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na Administração Pública, Eco.mob, que prevê a substituição de 1200 veículos com mais de 10 anos por veículos elétricos em toda a administração pública até 2020. Os primeiros 55 foram entregues em fevereiro de 2018.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
apple one

Apple One junta vários serviços, chega a Portugal mas com limitações. O que tem

A  90ª edição da Micam, a feira de calçado de Milão, está agendada para os dias 20 a 23 de setembro, com medidas de segurança reforçadas. Fotografia DR

Calçado. Micam arranca este domingo e até há uma nova marca presente

Os ministros da Presidência do Conselho de Ministros, Mariana Vieira da Silva (C), Economia, Pedro Sia Vieira (E) e do Trabalho Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho (D). MANUEL DE ALMEIDA/POOL/LUSA

Portugal é o quarto país da UE onde é mais difícil descolar do mínimo

Frota do Estado tem 73% de carros a gasóleo