Fotogaleria

Dez destinos de férias onde o euro rende mais

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Escolher o destino das próximas férias é muitas vezes uma questão orçamental.

Numa altura em que o euro está em alta, os turistas europeus podem tirar partido dessa vantagem.

Uma análise da Ebury ao mercado cambial concluiu que há pelo menos dez destinos fora da zona euro que vale a pena analisar sob esta perspetiva.

Em países como a Argentina, Brasil ou Filipinas, a valorização do euro em relação às moedas locais oscila entre os 15 e os 50%, o que significa que o poder de compra sai reforçado.

E mesmo países tradicionalmente mais caros, como os Estados Unidos ou o Reino Unido, podem ser uma boa aposta nesta altura.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (E), conversa com o ministro de Estado e das Finanças, João Leão (D), durante o debate e votação da proposta do orçamento suplementar para 2020, na Assembleia da República, em Lisboa, 17 de junho de 2020. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Orçamento suplementar mantém despesa de 704 milhões de euros para bancos falidos

Jorge Moreira da Silva, ex-ministro do ambiente

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Acordo PS-PSD. “Ninguém gosta de um planalto ideológico”

Mario Draghi, presidente do BCE. Fotografia: Reuters

Covid19. “Bazuca financeira tem de fazer mira à economia, desigualdades e clima”

Dez destinos de férias onde o euro rende mais