talento

Eles dão que falar. 40 líderes com menos de 40 anos

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

É a geração mais bem preparada de sempre e isso nota-se: ministros, CEO e empreendedores, os jovens líderes sub-40 estão prontos para dar cartas.

Os franceses voltam às urnas este domingo para eleger o próximo inquilino do Palácio do Eliseu. Caso consiga derrotar Marine Le Pen, Emmanuel Macron tornar-se-á o presidente mais jovem de sempre da república francesa, com 39 anos. Um feito assinalável num país em que a média de idades do chefe do Estado à data da eleição ronda os 60 anos desde a década de 1950. Mas a tendência para eleger líderes jovens está a alastrar por toda a Europa. Em 2005, Angela Merkel, então com 51 anos, tornou-se a mais jovem chanceler alemã após a II Guerra Mundial. No Reino Unido, desde os anos 1970 que não é eleito um líder com mais de 60 anos.

Portugal não foge à regra e já não são raros os casos de ministros ou secretários de Estado que chegam ao poder ainda na casa dos 30. No atual governo, são quatro os secretários de Estado ainda sub-40: Pedro Nuno Santos, Miguel Prata Roque, Mariana Vieira da Silva e Ana Sofia Antunes. Na mesa do Conselho de Ministros, a pasta de “ministro júnior” pertence a Tiago Brandão Rodrigues, da Educação. No anterior governo, liderado por Pedro Passos Coelho, também não faltavam exemplos de ministros com menos de 40 anos: Pedro Mota Soares, Assunção Cristas e Jorge Moreira da Silva.

Numa altura em que se fala da geração mais bem preparada de sempre, e em que o empreendedorismo é valorizado como nunca, é natural que os cargos de liderança sejam assumidos por homens e mulheres cada vez mais jovens? Eduarda Luna Pais, CEO da ELPing, não tem dúvidas. “Acredito que sim, mas temos de reconhecer que em Portugal ainda há um grande preconceito em relação à idade dos gestores. Mas há uma grande evolução, antigamente era muito raro haver diretores-gerais com menos de 40 anos”, sublinha a especialista em desenvolvimento de líderes e gestores seniores.

Para a responsável, o “grau de ambição” é um dos traços mais importantes nos jovens líderes da atualidade. “Um jovem líder tem de encarar a organização que chefia como uma missão muito concreta”, explica. Os desafios também já não são os mesmos: agora “é tentar ultrapassar a falta de crescimento das empresas. Quase todas as estruturas estão a contrair, nesta fase em que os mercados crescem muito pouco. E isto não acontecia nas décadas passadas, quando a tendência era para uma grande expansão”, conclui.

Nesta edição do Dinheiro Vivo, olhámos com atenção para as centenas de jovens líderes e empreendedores nacionais e selecionámos 40 que estão a dar cartas e que prometem dar que falar.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
António Costa, primeiro-ministro. ( Pedro Granadeiro / Global Imagens )

Conheça a composição do novo Governo de António Costa

António Costa, primeiro-ministro. ( Pedro Granadeiro / Global Imagens )

Conheça a composição do novo Governo de António Costa

O primeiro-ministro, António Costa, e o ministro das Finanças, Mário Centeno. Fotografia: MÁRIO CRUZ/LUSA

Centeno adia esboço orçamental de 2020 até quarta de manhã

Outros conteúdos GMG
Eles dão que falar. 40 líderes com menos de 40 anos