Carreiras

Estas profissões não exigem ‘canudo’ e pagam salários acima da média

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Nestas carreiras, onde a licenciatura não é determinante, os salários são cada vez mais competitivos.

São várias as empresas que, perante a falta de profissionais no mercado com as qualificações necessárias, optam por contratar perfis sem formação superior e qualificá-los internamente.

Leia também: Estas são as profissões que pagam melhor à saída da universidade

Nestas carreiras, onde a licenciatura não é determinante, os salários são cada vez mais competitivos. De acordo com o jornal Expresso, tendo como referência a remuneração média mensal base nacional de 943 euros brutos e os dados das empresas de recrutamento Hays e Michael Page, estes são os empregos que não exigem formação superior e oferecem salários acima da média.

Conheça na galeria (ou clique aqui) e saiba quais são as carreiras que não exigem “canudo” e, ainda assim, oferecem salários acima da média.

E ainda: Os salários das profissões mais bem pagas em Portugal

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
lisboa casas turismo salarios portugal

Taxa de juro do crédito à habitação cai para 1%

Lisboa, 18/02/2020 - Plenário da Assembleia da República - Debate quinzenal com o primeiro ministro.
Primeiro Ministro António Costa com os restantes ministros que compõem o governo.
Jerónimo de Sousa - PCP
(Leonardo Negrão / Global Imagens)

Jerónimo avisa Costa que “sem aumentos salariais” os “problemas vão aumentar”

O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos (C), acompanhado pelo ministro de Estado e das Finanças, Mário Centeno e pelo presidente da CP, Nuno Freitas (E), na assinatura do contrato de serviço público entre o Estado e a CP, na Estação do Rossio, em Lisboa, 28 de novembro de 2019. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

CP escapa a multas por atraso no contrato de serviço público

Estas profissões não exigem ‘canudo’ e pagam salários acima da média