greve

GNR e PSP asseguraram 48 abastecimentos para hospitais e aeroportos

MÁRIO CRUZ/LUSA
MÁRIO CRUZ/LUSA

Governo anunciou que durante a noite foram assegurados 48 abastecimentos para os aeroportos de Lisboa e Faro e para os Hospitais de Portimão e Olhão.

“Durante esta noite foram assegurados 48 abastecimentos para os aeroportos de Lisboa e Faro e para as unidades de abastecimento de gás dos hospitais de Portimão e Olhão, bem como para o concelho de Alpiarça, em veículos de transporte de mercadorias perigosas conduzidos por elementos da GNR e da PSP”, indica um comunicado do Ministério da Administração Interna.

Esses 48 abastamentos de combustíveis e gás foram divididos pelo Aeroporto Humberto Delgado em Lisboa (25), outros 20 camiões-cisterna saíram de Loulé para o Aeroporto de Faro e de Sines saiu um camião para o hospital de Portimão e outro para a unidade hospitalar de Olhão e outro ainda para o concelho de Alpiarça.

A nota refere também que, na sequência da Situação de Alerta, foram já realizadas pela GNR e pela PSP 24 escoltas a 67 viaturas de transporte de matérias perigosas nas regiões do Porto, Lisboa, Santarém, Setúbal e Faro.

A Situação de Alerta foi declarada para vigorar entre terça-feira passada e o dia 21 (domingo de Páscoa) para Portugal continental, “na sequência da constatação do incumprimento da Portaria nº117-A/2019, de 16 de abril, que efetiva a requisição civil dos trabalhadores motoristas em situação de greve”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (D), e o presidente da Câmara Municipal de Loures, Bernardino Soares (E), participam na conferência de imprensa no final de uma reunião, em Loures. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Costa: “Há países que foram colocados em listas vermelhas por retaliação”

João Rendeiro, ex-gestor do BPP

João Rendeiro, ex-presidente do BPP, condenado a pena de prisão

O deputado do Partido Social Democrata (PSD) Ricardo Batista Leite. (RODRIGO ANTUNES/LUSA)

PSD quer transferir reuniões do Infarmed para o parlamento

GNR e PSP asseguraram 48 abastecimentos para hospitais e aeroportos