OE 2016

Governo aumenta licença de parentalidade para 15 dias

Governo quer aumentar em cinco dias, para 15 dias pagos na totalidade, a licença de parentalidade.

O Governo quer aumentar em cinco dias, para 15 dias pagos na totalidade, a licença de parentalidade, segundo a proposta de Orçamento do Estado para 2016 (OE2016) entregue hoje à Assembleia da República.

“Ao nível das prestações de parentalidade, efetivar-se-á o aumento da licença obrigatória do pai de dez para quinze dias úteis, pagos a 100%”, afirma o executivo socialista no relatório que acompanha a proposta de OE2016.

Assim, os pais podem gozar de mais cinco dias úteis pagos na totalidade depois de o bebé nascer.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

Foto: DR

IMI baixa para mais de 24 mil famílias que pediram reavaliação

António Costa Silva, presidente do frupo Partex. 
(Nuno Pinto Fernandes / Global Imagens)

Huawei: “Portugal não tem a receber lições de moral”, diz presidente da Partex

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Governo aumenta licença de parentalidade para 15 dias